Todos os posts de Priscila Visconti

Sou uma jornalista, blogueira, produtora de eventos e produtora Cultural. Amo o que faço, pois faço o que amo da minha vida, que é escrever, ler e ver a as coisas de uma visão diferente dos demais seres humanos.

[Cyber Cult] O Facebook cria seu próprio assistente pessoal

20150826150254_660_420
Agora é a vez do Facebook ter seu assistente pessoal, depois da Siri e da Google Now, o chefe de produção do Messenger, David Marcus, anunciou que a rode social, qual mais popularidade em toda a internet, vai ter seu serviço, vai se chamar “M” e irá auxiliar os usuários para todos os tipo de serviços e recomendações.

Mas o serviço ainda está em fase de testes, no entanto, mas o Facebook promete que o M seria capaz de dar ideias de presentes para algum amigo com base nos gostos da pessoa, ou então encontrar um bom restaurante por perto enquanto o usuário está viajando, por exemplo.

mr.M_facebook
O “M” não será apenas uma ferramenta para sugestão, mas também será capaz de completar tarefas por você, utilizando inteligência artificial, podendo compra presentes para seus amigos e familiares e mandar entregar por você, fazer reservas em restaurantes, fazer os preparativos para viagens, compromissos e tudo mais.

Essa ferramenta do Facebook, o “M”, haverá disponibilidade para qualquer plataforma, podendo ser usada no sistema iOS, Android e Windows Phone, bem diferente da Siri, que não atende os usuários que possuí Windows e Android ou então o Google Now, que não está disponível para Windows Phone, já que a Google não dá muita atenção para a plataforma da Microsoft.

Mas vamos aguardar a chegada do “M” e ver como será esse nova ferramenta do Facebook. Mas essa ferramenta não vai precisar baixar nada, pois ela irá funcionar no próprio Messenger,  basta apertar um botão para falar com o senhor M.

Pois irá ficar no menu inferior do aplicativo e além de ter disponibilidade para todos os sistemas operacionais que
já existem, sem precisar criar um único para o M.

Por Priscila Visconti

[Cantinho Literário] Montanha da Lua de Mari Scotti

11252163_793563194104005_993249694786310268_n

Essa semana no Cantinho Literário, será como foi na semana passada, pois também iremos apresentar novos autores aqui no site, afinal, nosso propósito é promover os novos escritores e artistas do cenário cultural de todo o mundo.

O Cantinho dessa última semana de agosto, apesar de na próxima a nossa editora ainda será agosto…

Nessa semana, falaremos será sobre o primeiro livro da paulistana Mari Scotti. A “Montanha da Lua”, conta a história de uma homem marcado pela dor.

Octávio Hallinson é o Duque de sua província, Madascócia, ele é viúvo, amargo e carrega dentro de si toda a culpa pela morte de sua esposa. Pois ele não conseguiu ignorar as lágrimas de sua mulher e por não ter o desejo de um filho, pois não tiveram tempo de ter um.

Mas, Octávio ignorou as lições de seu pai, para fugir da maldição de sua família, que era um devaneio de seus ancestrais, fez com ele vivesse há dez anos isolado de todos da cidade, em uma cabana no alto da Montanha da Lua.

Confira a sinopse de Montanha da Lua, abaixo:

11215077_749834725143519_1820834140155291696_nHá séculos uma verdade acompanha cada herdeiro do ducado de Bousquet: A Maldição dos Hallinson’s. Conta-se que a tragédia os acompanha, levando à morte as esposas em seu primeiro ano de matrimônio. Geração após geração, aprendem sua sina e a regra a seguir para possuir uma união frutífera e longa.

Octávio Hallinson Segundo sofre as consequências de não seguir estes ensinamentos. Viúvo, isolou-se da sociedade, fugindo da responsabilidade de casar-se novamente para providenciar um herdeiro para seu título.

Mais informações:

Facebook: https://www.facebook.com/montanhadalua

Link Amazon: http://www.amazon.com.br/gp/product/B00XF1F7FE?*Version*=1&*entries*=0

BookTrailer Montanha da LuaMari Scotti

 

Por Priscila Visconti

[Cantinho Literário] Taís Cortez – A escritora dos mistérios românticos sobrenaturais

11709221_509285875890772_6782263549671488342_n

Esta semana no Cantinho Literário, vamos falar um pouco da jovem escritora paulista, Taís Cortez, que já tem dois livros publicados e muitas ideias e sonhos, para realizar mais publicações.

Taís é de Campinas, interior de São Paulo, se formou em Relações Internacionais e Economia na FACAMP, mas sua grande paixão desde criança sempre foi contar história, qualquer tipo, desde romance, passando por mistérios e até as sobrenaturais, e unindo seus gêneros favoritos, ela propôs para si mesma que queria escrever um livro, pois ela gostaria de ler uma publicação com esses elementos.

Pois bem, sua vontade foi ouvida, pois sua primeira obra “Golfinhos e Tubarões – O Outro Mundo”, que foi lançada em agosto de 2013, pela editora Chiado. A história do livro conta a história de uma garota adotada, por um empresário bem-sucedido, que possui um segredo e quando ela cresce, ela acaba se transformando em algo sobrenatural, passando a ter uma força e rapidez incontrolável.

No mesmo ano de 2013, Taís lança seu segundo livro, só que em E-Book, pela Amazon, e em novembro de 2014, o livro ganhou uma versão física, que foi publicado pela LER editora, “O Último Homem do Mundo”, a história é uma comédia romântica, a história é de uma garota problemática, que tem uma mãe, que nunca tem tempo para ela, que se apaixona pela cara mais popular e mulherengo do colégio, mas atração entre os dois é tão forte, que o destino irá forçar de os unir cada vez mais, pois Amanda, a garota do livro, vai perceber que o último homem do mundo, será aquele que vai olhar para seu coração.

A autora, já está com novo projeto no forno, que é seu terceiro livro, “Acima de Nós”, que será seu primeiro romance cristão e vai retratar o relacionamento entre um casal de crenças diferentes e conflitantes e deve ser lançando ainda este ano, entre outubro e novembro de 2015, pela editora Ágape, com selo cristão da Novo Século.

Confira abaixo sinopses de “Golfinhos e Tubarões” e O Último Homem do Mundo”:

999369_581566755228655_2031949573_nGolfinhos e Tubarões

Aos cinco anos, Victoria foi adotada por Ana, presidente de uma indústria de cosméticos, e Greg, um bem-sucedido advogado. Ela não entende por que não se lembra dos verdadeiros pais e não acredita na suposta causa da morte deles.Ao completar quinze anos, estranhas mudanças começam a acontecer. Seus cabelos ruivos escurecem, ela se torna cada vez mais forte e rápida, seus sentidos ficam aguçados e alguns dos seus sonhos passam a ser premonições.

Após a visita de um casal peculiar, ela é levada para um mundo desconhecido e único, onde terá que aprender a controlar suas habilidades, frequentando aulas diferentes de tudo o que já viu.Lá ela conhece Alex.

A atração entre os dois é imediata, mas ele se recusa a se aproximar de Victoria e de qualquer outro aluno. Ainda assim, o destino se encarrega de uni-los e Alex passa a protegê-la e ajudá-la.O que Victoria não sabe é que ele esconde um segredo que mudará sua vida, e que o passado pode estar mais perto do que eles imaginam…

_____________________________________________________________

10553484_690044391081567_4712583902791882885_nO Último Homem do Mundo

Amanda é uma garota rebelde e problemática. Filha de Patrícia Oliveira, uma atriz mundialmente famosa, ela se ressente do comportamento da mãe, que trabalha demais e dedica seu pouco tempo livre para namorar. Depois de ser expulsa dos três últimos colégios, Amanda é matriculada contra sua vontade no Educação de Elite, o colégio interno mais renomado do país, onde apenas os filhos da elite nacional estudam.

Determinada a conseguir mais uma expulsão, ela é capaz das maiores loucuras, mas seus planos acabam sendo frustrados por suas colegas de quarto, por uma inspetora intrometida e um diretor paciente. Lá ela também conhece Ricardo, o garoto mais popular e mulherengo do colégio.

A atração entre eles é imediata, mas isso não impede que se odeiem ferozmente e que façam de tudo para prejudicar um ao outro. No entanto, o destino os forçará a unirem forças por um bem maior, e Amanda perceberá que, às vezes, o último homem do mundo de sua consciência pode ser justamente aquele que seu coração decide escolher.

1509834_801847323185359_8597830321835690357_n

Para mais informações sobre os livros e a autora, acesse seus endereços abaixo:


Site | Facebook | Twitter
 

Por Priscila Visconti

 

[Cabine da Pipoca] Tom Cruise em sua 5ª Missão Impossível nos cinemas

missaoimpossivel5_6-620x264

A Missão Impossível de Tom Cruise, ainda não acabou, pois lançou nesta quinta-feira (13), em todos os cinemas do Brasil, o quinto filme da série Missão Impossível: Nação Secreta, que tem direção de Christopher McQuarrie e foi escrito por Drew Pearce e Will Staple.

O Agente da IMF, Ethan Hunt, que ainda tem o Cruise como estrela, além de grande elenco como, Jeremy Renner, Simon Pegg, Ving Rhames, entre outros.

As filmações de MI:5, começaram em agosto de 2014 em Vienna, na Áustria e foram concluídas em março deste ano de 2015 e a produção também teve Tom Cruise na equipe, junto com J.J. Abrams e David Ellison da Skydance Productions.

O lançamento será em todo o mundo em IMAX e 3D, menos nos Estados Unidos, que já aconteceu, no dia 31 de julho.

mi5

Sinopse

O agente da IMF Ethan Hunt é localizado pelo Sindicato, uma organização de assassinos secretos altamente treinados que matam em ordem. Dessa forma, com a ajuda de sua equipe, pretende derrubar o Sindicato, custe o que custar.


Elenco

Tom Cruise como Ethan Hunt
Jeremy Renner como William Brandt
Simon Pegg como Benji Dunn
Ving Rhames como Luther Stickell
Sean Harris
Rebecca Ferguson
Alec Baldwin como uma agente da CIA
Simon McBurney
Zhang Jingchu

Direção
Christopher McQuarrie

Produção
Tom Cruise
J. J. Abrams
David Ellison

Roteiro
Drew Pearce
Will Staples

Baseado em Mission: Impossible, de Bruce Geller

Trailer

 

Por Priscila Visconti

[Cyber Cult] Snapchat – Comunicação em tempo real e em poucos segundos

louis-vuitton--Louis_Vuitton_Snapchat_PUSH_DI3

O Cyber Cult dessa semana vamos falar de um aplicativo que está dando o que falar, principalmente entre os jovens, parece um Whatsapp, mas que também faz vídeo e também pode adicionar legenda nas fotos, facilitando a comunicação visual entre os amigos, esse é o Snapchat.

Desenvolvido pelos estadunidense Evan Spiegel, Bobby Murphy e Reggie Brown, quando eram estudantes da Universidade de Stanford.

O aplicativo tem o arbítrio do usuário se comunicar por texto, mas também por fotos, que pode ser adicionado legenda nas fotos e também por vídeos, mas o tempo para a visualização é bem rápido, pois depois de enviado para o contato, a foto ou vídeo de cada snap não passa de 10 segundos, ou seja, quem demora para ler mensagem, vai ficar à ver navios, pois o ‘negócio’ é rápido.

Mas se caso salvar a foto ou vídeo no seu dispositivo (celular ou tablet), a foto poderá ser compartilhada em outras redes, como Facebook, Twitter ou Instagram.

Mas o aplicativo está se tornando bastante popular e não é só aqui no Brasil e nos Estados Unidos, mas também em várias partes do mundo, pois tem para todos os idiomas, como Alemão, Francês, Árabe, Italiano, Japonês, Coreano, Chinês , Espanhol, Norueguês, Dinamarquês, Sueco, Holandês e claro, o Português e Inglês.

id111974_1

O Snapchat foi um trabalho de faculdade de Evan, um dos co-fundadores do aplicativo, pois quando ele estudava Design de Produto, o curso qual ele não se formou, ele se juntou com seus amigos de grupo e montaram o APP Snapchat, que assim colocaram para download no iTunes, sendo um dos aplicativos mais baixados e entrando no TOP 10 da ‘lojinha’ da Apple.

Na época que foi lançando o aplicativo não tinha para o sistema Android, mas hoje já pode ser baixado para esses dispositivos, o único que ainda não tem para baixar é para o sistema Windows Phone.

Para mais informações acesse os contatos do APP Snapchat

Site | Twitter

 

Por Priscila Visconti

[Cantinho Literário] Eu Me Chamo Antônio – Poesias de boteco juntas em uma obra literária

1524790_698600503533804_5266229796905500508_n

Essa semana não vai ser dicas de livros, nem apresentação de novos autores, e também não será nenhum especial de escritores renomados, como semana passada foi do William Shakespeare.

O Cantinho Literário de hoje será de uma obra lançando à três anos atrás, em outubro de 2012, que não tem um enredo, mas sim poemas distribuídos em suas páginas, para expressar o conhecimento que o autor do livro, Pedro Gabriel queria passar,entendo o português através a cada palavra lida, já ele não é brasileiro, mas sim nascido em N’Sjamena, na África, capital do Chade.

10300779_698597643534090_875880052051957318_n

O livro “Eu Me Chamo Antônio” é uma narrativa que transita por todas as fases de um relacionamento amoroso, com um estilo simples e acessível, mas nem sempre óbvio, o leitor acompanha os encontros e desencontros de Antônio. Além de perceber uma irreverência no tom de versos e trocadilhos como, “Invista nos amores à primeira vista”.

10360407_698615706865617_5280862326733617198_nOutras emoções são apresentadas de forma singela, quando há uma separação, por exemplo, “Você, distante, diz tanto sobre mim”. Enquanto a angústia, sentimento que faz parte da instabilidade de qualquer casal, também é citada no livro, “Na dança do amor – dor pra cá, dor pra lá”.  Antônio é um personagem sensível e verossímil, talvez seja por isso que os leitores cultivem a dúvida sobre até onde vai a linha tênue que separa a realidade da ficção.

Pedro faz das suas palavras o seu brinquedo, fazendo da sua diversão se tornar trabalho depois de adulto, pois ele se tornou publicitário e quando deu por si, já estava virando um aspirante a escritor e com um projeto de um livro.

11701036_892903460770173_4735366313543435412_nTudo isso começou como uma página no Facebook, que Pedro Antônio, publicava fotos de guardanapos de bares rabiscados com poemas, então esses pensamentos e ideias gerou seu primeiro livro, “Eu Me Chamo Antônio”, lançando no ano de 2013, pela editora Intrínseca.

Contatos do escritor Pedro Antônio

Site | Twitter | Facebook | E-mail

Por Priscila Visconti

[Cabine da Pipoca] Terceiro filme do “Quarteto Fantástico”, chega às telonas em todo o Brasil

20150127132005_660_420

Mais um Cabine da Pipoca chegando na área, e dessa vez com um lançamento imperdível, a estreia é do filme que assim como “Os Vingadores” e “X-Men”, também tem produção da Marvel.

A estreia da vez é o “Quarteto Fantástico”, esse já é o terceiro filme, todos baseados na série de história em quadrinhos da Marvel Comics, foi produzido pela 20th Century Fox chega aos cinemas brasileiros nesta nesta quinta-feira (6).

O filme começou a ser gravado em maio de 2014, no Centro de Mídia Celtic, em Baton Rouge, na Lousiana e terminou em agosto, também de 2014, mas o segundo os produtores, o filme não era para ser gravado em Lousiana, mas sim em Voucouver, no Canadá, mas devido alguns problemas de incetivos fiscais, as produções foram mudadas.

O “Quarteto Fantástico” foi dirigido por Josh Trank, estrelado por Miles Teller, Kate Mara, Michael B. Jordan e Jamie Bell fazendo os papeis principais do filme como Sr. Fantástico, Mulher Invisível, Tocha Humana e o Coisa, enquanto Toby Kebbell, Reg E. Cathey e Tim Blake Nelson completam o elenco principal.

A tecnologia de “O Quarteto Fantástico” foi usado OTOY para todos os efeitos visuais, pois o uso da tecnologia de nuvem-rendering de OTOY, criam efeitos visuais, com baixo custo, mas com grande efeito. A Moving Company Imagem e Weta Digital estão ligados para criar efeitos visuais. O filme seria convertido para 3D na pós-produção, porém a Fox desistiu durante a SDCC 2015.

Sinopse

O Quarteto Fantástico, uma imaginação contemporânea do original e mais antigo grupo de super-heróis da Marvel, centra-se em 4 jovens desconhecidos que teletransportam-se para um universo alternativo e perigoso, o qual altera suas formas físicas de maneiras chocantes.

Com suas vidas completamente de cabeça para baixo, o time deve aprender a controlar suas novas habilidades e trabalhar juntos para salvar a Terra de um antigo amigo, que tornou-se um perigoso adversário.

Elenco

Miles Teller como Reed Richards/Sr.Fantástico
Michael B. Jordan como Johnny Storm/Tocha Humana
Kate Mara como Sue Storm/Mulher Invisível
Jamie Bell como Ben Grimm/Coisa
Toby Kebbell como Victor von Doom/Dr.Destino
Reg E. Cathey como Dr. Storm
Tim Blake Nelson como Harvey Elder

Trailer do filme abaixo:

Por Priscila Visconti

[Cantinho Literário] William Shakespeare – O poeta da tragicomédia

William Shakespeare

Nessa semana aqui no Cantinho Literário, abrimos para os leitores, que nos deram ideias e sugestões sobre algumas obras e autores, que mais ou menos, cerca de duas ou três semanas, vamos usar essas ideias da nossa tripulação, pois foram bastante legais e nos ajudou a iluminar nossas cabecinhas lerdinhas e cansadas.

Nessas semana vamos usar a ideia da tripulante Isabele Teixeira, lá de Manaus, estado do Amazonas, que nos deu a sugestão de Hamlet, então pegamos essa ideia e transformamos em um especial sobre William Shakespeare. Um grande escritor, dramaturgo e poeta, não só para a Inglaterra, mas para todo o mundo o mundo, já que sua obra ainda vive em todo canto do planeta, basta ir à alguma biblioteca ou livraria e buscar por Shakespeare, que lá estará alguma obra do escritor.

hamlet-william-shakespeare-2-728

William Shakespeare era um poeta inglês, de Stratford-upon-Avon, nascido em 23 de abril de 1564, que se cansou um tanto jovem, apenas com 18 anos, com a jovem inglesa Anne Hathaway, no qual deve três filhos, a primogênita Susana e os gêmeos Hamnet e Judith.

Entre os anos de 1585 e 1592 Shakespeare começou a ter êxito em sua carreira como ator, escritor como um dos proprietários da companhia de teatro que se chamava Lord Chamberlain’s Men, mais tarde mudou de nome e passou a se chamar King’s Men. Porém, grande parte de suas obras com sucesso, foram escrita entre 1590 e 1613.

As primeiras peças que ele escreveu foram as comédias, que era baseadas em eventos e personagens históricos, o fazendo a levar ao ápice da sofisticação e do talento artístico até o século 16, depois dessa fase mais na comédia, Shakespeare parte para a tragédia, em que inclui títulos como Hamlet, Rei Lear e Macbeth, consideradas
algumas das obras bastante importante na língua inglesa.

25

Já na fase final de sua carreira, sua obra era classificada como tragicomédia ou romances, foi uma fase na qual ele colaborou com outros dramaturgos. Várias peças foram publicadas em edições com variados graus de qualidade e precisão, durante sua vida.

No ano de 1623, John Heminges and Henry Condell, dois atores e antigos amigos de Shakespeare, publicaram o chamado First Folio, uma coletânea de suas obras dramáticas que incluía todas as peças (com a exceção de duas) reconhecidas atualmente como sendo de sua autoria.

As obras de William Shakespeare aclama genialidade, vitorianos e romantismo, ou como George Bernard Shaw reverenciava chamando de “bardolatria”, e também foi adota e redescoberta repetidamente por vários momentos dos anos, em diversos contextos culturais, políticos e em todo o mundo.

Shakespeare_grave_-Stratford-upon-Avon_-3June2007

Desde a sua morte, em 23 de abril de 1616, aos 51 anos, na cidade onde nasceu em Stratford-upon-Avon, na Inglaterra William Shakespeare é contemplado e lido em todo o mundo, pois suas obras foram traduzidas para vários idiomas, principalmente em português, em que podemos buscar em bibliotecas, livrarias, ou até mesmo na internet.

Por isso quem curte literatura inglesa e não conhece muito da obra do poeta, vai gostar suas obras, já que ela passeia por diversos gêneros, como a tragédia, o drama, comédia, o romance e claro poemas, afinal Shakespeare era um ótimo poeta.

Confira abaixo algumas das principais obras de William Shakespeare:

Comédias

Sonho de uma Noite de Verão
O Mercador de Veneza
A Comédia dos Erros
Os Dois Cavalheiros de Verona
Muito Barulho por Nada
Noite de Reis
Medida por Medida
Conto do Inverno
Cimbelino
A Megera Domada
A Tempestade
Como Gostais
Tudo Bem quando Termina Bem
As Alegres Comadres de Windsor
Trabalhos de Amores Perdidos
Péricles, Príncipe de Tiro

Tragédias

Tito Andrônico
Romeu e Julieta
Júlio César
Macbeth
Antônio e Cleópatra
Coriolano
Timão de Atenas
Rei Lear
Otelo, o Mouro de Veneza
Hamlet
Tróilo e Créssida
A Tempestade

Dramas históricos

Rei João
Ricardo II
Ricardo III
Henrique IV, Parte 1
Henrique IV, Parte 2
Henrique V
Henrique VI, Parte 1
Henrique VI, Parte 2
Henrique VI, Parte 3
Henrique VIII
Eduardo III

frase-eu-aprendi-que-tudo-o-que-precisamos-e-de-uma-mao-para-segurar-e-um-coracao-para-nos-entender-william-shakespeare-115591

Por Priscila Visconti
(PS: Se ligam que na próxima semana, tem mais dicas literárias, com ajuda da nossa tripulação)

[Total Flex] Parabéns Velhinho – 75 anos do Pernalonga

533803-970x600-1

Nessa semana o personagem da Looney Tunes mais famoso completou 75 anos, mais continua com o mesmo charme, elegância e esperteza de quando era jovem, se você pensou no Bugs Bunny, ou também conhecido como Pernalonga aqui no Brasil, acertou.

O personagem que nasceu do dia 27 de julho de 1940,de Nova York, criado pelo diretor cinematográfico, animador, cartunista e dublador norte-americano Tex Avery.

A história do Pernalonga segundo o livro “Bugs Bunny: 50 Years ans Only One Grey Hare”, de que foi criado por Tex Avery, como já foi dito acima e Robert McKimson, foi o responsável pelo design do personagem,

Já de acordo com Mel Blanc, seu dublador original, o coelho tem um sotaque característico de Flatbush, dando uma equilinrada mistura entre os dialetos do Condado do Bronx e do Bronklyn, porém Tex admite que a personalidade do personagem vem do coelho “Max Hare”, embora ele tenha ficado com uma aparência um tanto quanto inocente, do que o coelho do Thorson, mas o compartamento sarcástico acabou encaixando no personagem.

A maneira que Pernalonga morde sua cenoura com o canto da boca, também lembra muito o jeito que o comediante Groucho Marx fumava seu charuto e um dos bordões mais populares do Pernalonga, Of course you know, this means war! (“É claro que você sabe, que isso significa guerra!”) também foi inicialmente dito por Groucho, em filmes como Duck Soup e Uma Noite na Ópera.

pernalonga_calcada_famaO primeiro curta que o coelho apareceu foi The Wild Hare (A Lebre Selvagem), que foi dirigido pelo prórpio Tex, mas ao longo dos anos, Pernalonga estrelou mais de 160 filmes, além de participações em outros longas como convidado.

Pernalonga já contracenou como astro de basquete Michael Jordan, no filme Space Jam, no ano de 1996 e também atuou em Looney Tunes – De Volta à Ação (2003).

Mas atualmente ele é o mascote corporacional da Warner Brothers, especialmente do seu departamento de animação e um dos personagens mais famosos no mundo.

Evolución-de-bugs

Seu famoso bordão é a pergunta “Eh… What’s Up, Doc?” (“Eh… o que é que há, velhinho?” no Brasil/”Eh… qual é, meu?” em Portugal), geralmente dito enquanto mastiga uma cenoura.

Saiba mais sobre o Pernalonga:

Nome original
Bugs Bunny

Nascimento
27 de Julho 1940

Origem
Nova York/Estados Unidos

Sexo
Masculino

Espécie
Coelho ou lebre

Cabelo
Ralo

Olhos
Negros

Família
Ace Bunny (membro dos Loonatics)

Criado por Tex Avery

436802

Por Priscila Visconti