Arquivo da categoria: teatro

[Total Flex] “Se Meu Gabinete Fala$$e” um espetáculo repleto de humor, delação e ironia

O Deputado mais carismático da TV brasileira estreou sua peça no começo deste mês no Teatro Fernando Torres, em São Paulo. João Plenário traz todos seus projetos, contatos, falcatruas e parcerias, com muito humor e diversão, fazendo o público chorar de tanto rir. Continuar lendo [Total Flex] “Se Meu Gabinete Fala$$e” um espetáculo repleto de humor, delação e ironia

Anúncios

[TOTAL FLEX] ESTREIA DIA 1 DE SETEMBRO EM SÃO PAULO A PEÇA “SE MEU GABINETE FALA$$E”

Foto por Divulgação

Quem nunca sorriu com as piadas sobre a situação do Brasil com o deputado João Plenário? Há mais de vinte anos nós fazendo rir e pensar sobre tudo que acontece no senado e fora dele, o deputado mais amado está de volta com uma temporada de três meses com a peça “Se meu gabinete fala$$e” em São Paulo. Continuar lendo [TOTAL FLEX] ESTREIA DIA 1 DE SETEMBRO EM SÃO PAULO A PEÇA “SE MEU GABINETE FALA$$E”

[TOTAL FLEX] “Fragmentos de Nós Dois” desabafa seus amores no Teatro Augusta

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Apresentando o primeiro projeto autoral do Coletivo Eloquência de Teatro, a peça “Fragmento de Nós Dois” em performance exclusiva até dia 25 de setembro, na sala experimental, no Teatro Augusta, no centro da capital paulista. Continuar lendo [TOTAL FLEX] “Fragmentos de Nós Dois” desabafa seus amores no Teatro Augusta

[TOTAL FLEX] A Fantástica Trupe… apresenta a fábula do espetáculo “A Princesa em Engasgada”

Foto:Renata Porto
Foto:Renata Porto

O espetáculo “A fantástica Trupe em… A Princesa Engasgada” esteve em cartaz em São Paulo e encantou adultos e crianças. Com mensagem sublime, singela, simples , com figurinos de época e linguagem coloquial, explora as virtudes da infância, da inocência de forma cativante com o romantismo, o imaginário, a descoberta e a interação aberta para o desfecho final da história. Continuar lendo [TOTAL FLEX] A Fantástica Trupe… apresenta a fábula do espetáculo “A Princesa em Engasgada”

[TOTAL FLEX] IV PRÊMIO APLAUSO BRASIL 2016 CONDECORA OS MELHORES DO TEATRO NACIONAL

logopremiodef-380x263

Nesta noite tipicamente tropical e aconchegante da última terça-feira, aconteceu o 4° Prêmio Aplauso Brasil de Teatro onde reuniu a classe artística paulistana no Teatro Porto Seguro, em São Paulo. Continuar lendo [TOTAL FLEX] IV PRÊMIO APLAUSO BRASIL 2016 CONDECORA OS MELHORES DO TEATRO NACIONAL

[Total Flex] ‘Freud e Anna Freud: Uma Leitura Performática’ o espetáculo que humaniza o mito

Caixas caem. Antes empilhadas, agora derrubadas. Causam um eco de desordem; talvez para que o incômodo se faça presente. Como se o cenário dissesse “não viemos falar de perfeição”.

Interação entre o elenco e as cores, luzes, sombras e o cenário minimalista. No detalhe, a atriz Janaína Pelizzon. (FOTO: Vanessa Santos)
Interação entre o elenco e as cores, luzes, sombras e o cenário minimalista. No detalhe, a atriz Janaína Pelizzon. (FOTO: Vanessa Santos)

Janaína Pelizzon, atravessa o palco; passos firmes. Segura a moldura de um quadro que a transforma num autorretrato vivo e de repente ela não é mais ela. Acontece, também, com Lenira Fleck e Liana Timm. Quando seus movimentos, expressões e falas tomam forma, as performances transcendem a aparência, revelando as personagens. Em segundos, somos tragados para o século XX e nos vemos dentro da casa dos Freud.

É desse modo que o espetáculo “Freud e Anna Freud” tem início; com abdução do presente para o passado. No subtítulo “Uma Leitura Performática“, reside a proposta que rouba o público da quietude e o carrega para a intimidade do pai da psicanálise.

Imagens ora coloridas, ora preto e branco, surgem e desaparecem ao fundo do palco (como um álbum de fotografias gigante), molduras, caixas, uma cadeira de balanço, corrente, fumaça, luz, sombras e sons; todos os itens auxiliam na ambientação e provocam os sentidos, seguindo cronologicamente a história desde a vinda de Anna mundo.

Telefonema de Martha (Lianna Timm) à sua mãe (Janaína Pelizzo) sobre as complicações no lar dos Freud. Detalhe para a quadro representado em arte minimalista por Lenira Fleck. (FOTO: Vanessa Santos)
Telefonema de Martha (Liana Timm) à sua mãe (Janaína Pelizzon) sobre as complicações no lar dos Freud. Detalhe para Lenira Fleck no quadro em arte minimalista. (FOTO: Vanessa Santos)

No palco, as atrizes mais poderosas que uma hidra de lerna se multiplicam e transformam-se em várias personagens. Os diálogos que envolvem as personalidades, dão nome ao espetáculo e são intensos, amorosos, elucidativos no sentido do nascimento da própria psicanálise.

Retratando o relacionamento entre a esposa Martha Bernays, a filha Anna Freud, a cunhada Minna Bernays e a governanta Paula Fichtl e os problemas familiares, a peça aborda o lado humano de Freud.

 Tentamos  mostrar como [Freud] era na intimidade e desmistificar a impressão de que ele é inalcançável; na verdade, era uma pessoa, como você e eu., explica Lenira, intérprete de Anna (dentre outras personagens).

As duas apresentações que ocorreram no Teatro Augusta, São Paulo, contaram para uma plateia em sua grande maioria estudantes e conhecedores da figura de Freud a história, narrando o nascimento de sua filha, Anna Freud, as agruras da guerra, o exílio em Londres e, finalmente, as considerações sobre o princípio e a herança da psicanálise.

Freud (Liana Timm) e Anna Freud (Lenira Fleck) em um dos intensos diálogos. (FOTO: Vanessa Santos)
Freud (Liana Timm) e Anna Freud (Lenira Fleck) em um dos intensos diálogos. (FOTO: Vanessa Santos)

É uma narrativa centrada em pai e filha  a única que seguiu a carreira de Freud e preservou o legado  que faz a evocação sobre a condição humana, mas muito plural ao destacar a influência do ambiente familiar e de personalidades do mundo intelectual em situações comuns e peculiares que revelam a pluralidade das relações humanas e as fissuras dentro dos relacionamentos.

Os pontos altos além das interpretações vívidas e conversas intensas  são o uso do cenário como mensagens complementares, os flashbacks em que as citações de Sigmund Freud dialogam com as divagações de sua filha e as sessões de Marylin Monroe.

  Marilyn (ou Norma Jeane) amava as obras de Freud e era apaixonada pela psicanálise. Lenira descreve a participação da atriz e modelo norte-americana e continua: Ela chegou a conhecer Anna, com quem realizou entrevistas preliminares em Londres e tempos depois, suicidara-se“.

A aparição de Marilyn Monroe é um pouco alto e divertido do espetáculo (FOTO: Divulgação | Vilmar Carvalho)
A aparição de Marilyn Monroe é um pouco alto e divertido do espetáculo (FOTO: Divulgação | Vilmar Carvalho)

O texto da peça é da atriz Lenira Fleck, também psicanalista. Acompanhando-a na empreitada a artista multimídia Liana Timm e a premiada atriz gaúcha Janaina Pelizzon.

O espetáculo é o 18º texto do projeto Freud e Os Escritores, criado em 2010 e foi dirigido por Graça Nunes e Carlota Albuquerque, mostra a relação de Sigmund Freud (1856-1939) e sua filha Anna Freud (1895-1982).

Além desta, outras montagens foram feitas pelo grupo que propiciaram encontros de Freud com renomados filósofos e escritores. Como Virginia Woolf, Agatha Christie, Hannah Arendt e Simone de Beauvoir.

O espetáculo se dirige ao Rio de Janeiro e tem pretensão de retornar brevemente à São Paulo, entretanto não há data determinada.

Por: Jefferson Gonçalves

[Total Flex] Cia Fanaticlowns encerra a temporada do espetáculo “O Preço do Feijão”

12249798_946571035418099_4019779429013494479_n

A Cia Fanaticlowns faz sua última apresentação do espetáculo “O Preço do Feijão”, no próximo dia 5 de Dezembro, no Teatro Arca de Noé, em Osasco – região metropolitana de São Paulo.

12274668_1022356114451248_5759268548470199907_nEssa performance, será muito especial para a companhia, não apenas por ser a última do ano, mas também porque irá beneficiar aos carentes, com o apoio dos espectadores que poderão doar um brinquedo junto ao ingresso, fazendo o natal de muitas crianças mais feliz.

“O Preço do Feijão” é um espetáculo teatral, que agrada crianças, jovens e adultos, fazendo uma crítica social bem humorada e com muita palhaçada, com direito a nariz pintado e tudo.

10922624_783430508398820_3225526529863568920_n

A peça já está em cartaz há dois anos, com êxito em todos os espetáculo desde seu início em 2013, concretizando o sucesso com uma longa temporada em 2014, no Espaço dos Parlapatões, Praça F. Roosevelt. E agora encerra o ano com chave de ouro, e fazendo o bem e levando sorrisos, para quem mais precisa.

SERVIÇO

“O PREÇO DO FEIJÃO”
Data: 5/ Dezembro/ 2015
Horário: 20h
Local: Teatro Arco de Noé
End: Avenida Visconde Nova Granada, 513, Osasco/ SP.
Entrada: R$ 10,00 + + um brinquedo (pode ser usado).
Mais info: Facebook

Por: Patrícia Visconti

[Total Flex] “A Comédia à Margem da Estrada” estreia neste fim de semana em Guarulhos

11998860_1027182250635626_368969386676346491_n

Neste fim de semana – 12 e 13 de setembro (sábado e dominfo) – o Grupo LOUPT – LOUcos Por Teatro estreia a peça “A Comédia à Margem da Estrada”, no Teatro Padre Bento, em Guarulhos.

Um texto leve de Osvaldo Coelho, inspirado no conto de Rudy Kipling. Trata-se da história de cinco ingleses que após a invasão da Inglaterra à Índia, vivem completamente isolados do mundo “civilizado” no vilarejo de Kashima, e neste lugar eles fazem de tudo para alcançarem seus objetivos.

1902086_936707089683143_8308093841141755696_n

Uma história que nos faz refletir e divertir, além de pensar sobre os sistemas em que vivemos e com a vida que levamos ou deixamos de viver.

SERVIÇO

“A Comédia à Margem da Estrada”
Datas e horários:
12/09/15 às 20h – sábado
e 13/09/15 às 19h – domingo
Local: Teatro Padre Bento
End: Rua Francisco Foot nº 03 – Jd. Tranquilidade – Guarulhos/SP.
Gênero: Comédia
Tempo do espetáculo: 60 minutos.
Indicação: 12 anos.
Ingressos: ENTRADA FRANCA – retirar ingressos com uma hora de antecedência.
Mais informações:
Tel.: (11) 2229-5043
E-mail: formacaocultural.guarulhos@gmail.com

Por: Patrícia Visconti

[Total Flex] Música, interpretação e inclusão no novo espetáculo estrelado pela “Oficina dos Menestréis”

up6

Com a ideia de incluir os deficientes as artes, o diretor Deto Montenegro iniciou um grande projeto em sua carreira após realizar um projeto na Universidade Dulcina de Morais, onde estava uma amiga em reabilitação no Hospital Sara Kubichek, após ficar paraplégica.

As adaptações das peças foram de bastante superação e inclusão, por meio de intervenção de compartilhar a arte para todos e desenvolver um teatro musical con deficientes.

O primeiro espetáculo foi o musical “Noturno” de Oswaldo Montenegro, e também o primeiro dos menestréis paulistas, carro-chefe da “Oficina dos Menestréis”, adaptado e rebatizado de “Noturno Cadeirante”, que em 2015 completa 12 anos.

Neste clima exitoso, a oficina criou outros projetos sociais, atendendo e promovendo novos conceitos para promover a inclusão social, interagindo-os com a arte. E então, surgiram vários projetos e espetáculos, desde 2009 a oficina recebe apoio institucional do Ministério da Cultura, por meio da Lei de Incentivo Fiscal – Rouanet.

Na empreitada de integrar os cidadãos especiais à sociedade, a “Oficina dos Menestréis” apresento um espetáculo só com jovens com Síndrome de Down no elenco da nova performance, o musical “UP 6”.

O Projeto UP é dirigido por Deto Montenegro, e após oito meses de treinamento com 38 anos alunos, mostrará ao público o resultado desta nova missão do projeto. Com uma roteirização leve e divertida, com a presença da banda e convidados especiais.

O musical estreia dia 9 de agosto no Teatro Dias Gomes. Serão seis apresentações ao longo do mês de agosto, os dias 9, 16, 22, 23, 29 e 30, aos sábados e domingos. Além do mais, haverá ainda a temporada do espetáculo “Aldeia dos Ventos – Mix”, de Oswaldo Montenegro, trazendo elenco formado por cadeirantes e deficientes visuais.

FICHA TÉCNICA
Direção e roteiro: Deto Montenegro
Assistente de direção: Evelyn Klein
Dramaturgia: Juliana Sanches
Elenco: alunos do Projeto UP da Oficina dos Menestréis

SERVIÇO
UP 6
Temporada: 9, 16, 22, 23, 29 e 30 de Agosto.
Horário: sábados às 17h30 e domingos às 16h30
Classificação: 10 anos
Duração: 60 minutos
Capacidade: 400 lugares

Ingressos: R$60,00 (inteira), R$30,00 (meia) e R$25,00 (promocional). Os ingressos promocionais podem ser adquiridos mediante apresentação da carteirinha da Oficina dos Menestréis, que pode ser impressa pelo site.

Local: Teatro Dias Gomes
End: Rua Domingos de Morais, 348. Vila Mariana próximo a Estação Ana Rosa do Metrô.
Tel: (11) 5575-7472

Site: www.oficinadosmenestreis.com.br
Facebook: facebook.com/oficinadosmenestreis

Por: Patrícia Visconti