Arquivo da tag: autêntico

“Chorão: Marginal Alado” – A trajetória de um poeta marginal, intenso e veemente

Chorao-Marginal-Alado-trailer

Alexandre Magno Abrão, também conhecido como Chorão, o front man de uma das bandas de rock mais populares do Brasil, que conquistou uma geração, com suas letras diretas e precisas, além de seu linguajar simples e coloquial, que tratava à todos de igual por igual, sem descriminar ou renegar, mas exaltando cada esforço carregado nos ombros de cada um. Continuar lendo “Chorão: Marginal Alado” – A trajetória de um poeta marginal, intenso e veemente

Os sorocabanos da Turnos compartilham suas emoções e influências em forma de canções ideológicas e contemporâneas

119103640-166790915077555-1987151888125736634-n

Talvez um dos principais pontos positivos desta quarentena, foram as motivações e influências culturais que nos ajudaram a não surtar e foram ótimas companhias neste período tão árduo e denso que o Brasil e mundo viveu, apesar deste segmento ser um dos mais atingindos, fazendo com que músicos, atores e artistas em geral abdicassem toda suas vidas, e passassem a viver em pleno isolamento, dentro de suas casas, o que por um lado acabou sendo degrande valia, já que pessoas das artes são criativas e estão sendo engajando ideias inovadoras para fomentar e difundir seus trabalhos e projetos. Continuar lendo Os sorocabanos da Turnos compartilham suas emoções e influências em forma de canções ideológicas e contemporâneas

Erasmo Carlos vai emocionar à todos com duas apresentações no Blue Note SP

ERASMO-CARLOS-Ft-Guto-Costa-site-768x512
O eterno Tremendão o roqueiro mais descolado não só da Jovem Guarda, mas do Brasil, o cantor, compositor, músico multi-instrumentista e escritor Erasmo Carlos, vai se apresentar nesta sexta-feira (22), no Blue Note SP, em que ele cantará seus grandes sucessos atuais e claro os mais antigos, que ainda fazem sucesso não só com quem viveu naquela época da Jovem Guarda, mas também como os mais novos, que conheceram o artista depois de anos que já não existia mais o movimento cultural brasileiro surgido em meados da década de 1960, que mesclava música, comportamento e moda. Continuar lendo Erasmo Carlos vai emocionar à todos com duas apresentações no Blue Note SP

Banda Hino – Canções que acalentam a alma e sintonizam o coração

15698258-1819768974937948-2556596804743446132-n

Atualmente muitas músicas são rasas e não trazem sentimento algum aos nossos ouvidos, alma e coração, então, muitos buscando por alternativas distintas e acabam se surpreendendo com artistas inigualáveis que falam de amor, cumplicidade e união, e algumas vezes são aquelas bandas que você nem imaginaria ouvir, e acaba curtir um som gospel, autoral e inerente, que toca imensamente com suas letras profundas e seus instrumentos sincronizados e breviloquente, como a Banda Hino. Continuar lendo Banda Hino – Canções que acalentam a alma e sintonizam o coração

Sentido Litoral: A genuinidade que o rock nacional precisa

44449706-338663126889281-8778114624114393088-n
No final de 2018, a banda caiçara Sentido Litoral lançou o novo EP, intitulado “Tudo Pode Acontecer”, com três faixas, gravado no estúdio PlayMix, em São José dos Campos/SP, a produção do disco ficou a cargo de Glauber Ribeiro, que têm em seu portfólio bandas de renomes da cena nacional, como Sepultura, Voltz e Turnê. Continuar lendo Sentido Litoral: A genuinidade que o rock nacional precisa

Banda Leela leva o épico ao Auditório Thunder na homenagem dos 80 anos de Superman na CCXP 2018

47684097-2272343429483621-532669789739417600-n

Você acha que acabou as novidades sobre a CCXP 2018, achou errado. Pois, ainda tem muita coisa para falar sobre o maior festival de cultura pop do mundo, aonde reuniu diversos nichos artísticos e culturais num mesmo espaço. E dentre essas atrações, ouve muita música na quinta edição da Comic Con Experience, principalmente no palco Creator. Uma atração nova, que chegou este ano ampliando com o palco Music Con que havia nas edições anteriores.

Mas, o que temos que pautar é a performance ímpar que os cariocas da banda Leela fizeram durante a homenagem dos 80 anos do super-herói mais popular do Planeta, o Super-Homem. Continuar lendo Banda Leela leva o épico ao Auditório Thunder na homenagem dos 80 anos de Superman na CCXP 2018

Banda Celofane traz a ebulição do Rock n’ Roll, de forma simples e inerente

11870654_898552193552651_5383828066762707960_n

O trio de São Bernardo do Campo, região do Grande ABC Paulista, se juntou em 2008 para fazer um rock autêntico, original, com letras ímpares e inigualáveis, surgindo então a Banda Celofane, que após oito anos eles se firmaram com a formação que é hoje.

Continuar lendo Banda Celofane traz a ebulição do Rock n’ Roll, de forma simples e inerente

[Caixa de Som] Gabriel Coelho canta o cotidiano tocando na alma de cada pessoa

14657445_1795049880740197_8636204003676661670_n
Foto por: Vinicius Amano

Desde que se entende por gente Gabriel Coelho sabia que a música era seu futuro, e sempre esteve infiltrada em sua veia. Pois, quando pequeno, antes mesmo de entrar na escola, o músico ganhou uma “guitarrazinha” daquelas de plástico, vendidas em feiras livres. Logo, esse se tornou o melhor brinquedo para Gabriel, ele o levava para cima e para baixo, embalando sucessos de Caetano Veloso, Belchior, Roberto Carlos, Leandro e Leonardo e até Xuxa durante apresentações na sala de casa ou em festas familiares, depois apaixonou-se à primeira vista por um Di Giorgio que apareceu em seu quarto, desde então sua paixão pela música só cresceu, e seu anseio em aprender mais ultrapassou todos os limites da musicais e artístico. Continuar lendo [Caixa de Som] Gabriel Coelho canta o cotidiano tocando na alma de cada pessoa

[Caixa de Som] Duas décadas sem a autenticidade e originalidade dos Mamonas Assassinas

60f2fa15bc2829637c5a56fb852fe3a63b221d7c

Há duas décadas atrás, o Brasil perdia não apenas uma banda de rock, mas um grupo de rapazes que fizeram a diferença na música popular brasileira, em pouco menos de um ano, os Mamonas Assassinas mostraram que carisma, letras fácies e amor, faz toda discrepância para o êxito eterno e por gerações.

mamonasOs Mamonas Assassinas começou oficialmente em junho de 1995, quando foi lançado o primeiro compacto, homônimo o nome da banda.

Formado pelos músicos, Dinho, Bento Hinoto, Júlio Rasec, Samuel Reoli e Sérgio Reoli, todos residentes da cidade metropolitana de Guarulhos. Lugar onde conheceram o produtor musical Rick Bonadio, e fez com que o som dos Mamonas propagasse por todo o território nacional e também, internacional. Todavia, até antes os Mamonas Assassinas não existiam, foi após a gravação de “Pelados em Santos” e “Robocop Gay”, que fizeram mudar o perfil do grupo e transforma-los não só em mais uma banda de rock, como tantas que já sucedem, mas algo épico e excepcional, conquistando fãs mesmo após seu término trágico.DI01974

Sim, trágico pois em 2 de março de 1996, um acidente de avião na Serra da Cantareira ocasionou na morte cruel de todos os integrantes do grupo, trucidando e encerrando a carreira meteora de um das maiores bandas na história da música brasileira, que vendeu mais de três milhões de cópias em todo o país, com discos de diamante, ouro, platina e platina dupla, sendo um sucesso exorbitante para uma banda que apenas lançou um único álbum, mas no tempo certo para marcar, apesar do curto período, marcar por décadas e por gerações.

Por: Patrícia Visconti

[Caixa de Som] O rock alternativo e progressivo ainda vive no século 21

543330_288706171219170_484765766_n

Eles são paulistanos da Vila Pompéia, já tiveram várias formações antes de concluir a atual formação, a banda de rock Choque DB, traz influências do rock progressivo dos anos 80 e 90, com um ritmo acelerado nos vocais e nas instrumentalização, guitarras e bateria conectadas na mesma sintonia fazem a harmonia ímpar do grupo.

1464611_554819037941214_1739832228_nFormado pelos músicos Gustavo Simão (vocal e guitarra), Silvio Lodi (baixo) e Otavio Elias (bateria), tem como proposta mostrar o autêntico Rock n’ Roll, de forma despretensiosa e sem rótulos, apenas sendo eles e sua música, sua essência e origem. Autênticos e autorais, eles cantam o que pensam, sobre diversos assuntos do cotidiano, relacionamento e reflexões irônicas sobre o mundo contemporâneo, algo que todos vêem, mas nem todo mundo quer evidenciar em seus debates.

555257_305559922867128_1155238145_nEm 2011 a Choque DB gravou seu primeiro compacto autoral, mas anteriormente eles já haviam participando de várias apresentações, em festivais e casas de shows em São Paulo, como Ego Club, Zink Bar, Fidalga, Marcenaria, Tribe House, Livraria da Esquina, Novo Aeon Rock Bar, Central do Brasil, Festival de Rock da Faculdade Fefisa, entre outras.

Suas principais influências como dito acima são bandas progressivas, entre elas estão Bad Religion, Danko Jones, The Hellacopters, Running Wild, Talisman, Thin Lizzy, etc.

Um grupo alternativo que foge dos padrões da grande mídia, pelo fato deles cantarem o que a massa sente e vive realmente, e algumas produtoras se incomodarem com palavras dita pelos garotos, e não se encaixarem no padrão regrado por elas, sendo genuíno e repleto de atitude.

11010974_844827058940409_1898793623261205923_n

Assista o último videoclipe dos meninos “Zona de Impacto”:

Para conhecer mais sobre a Choque DB, acesse as redes sociais da banda abaixo:

Facebook | SoundCloud | Youtube

Por: Patrícia Visconti