Arquivo da tag: cinema

[Cabine da Pipoca] Rapha Moraes estreia web série pelo sul das Américas, em seu site oficial

10414492_625341294224387_5486689754554071821_n

O músico paranaense Rapha Moraes está em produção de seu segundo álbum, mas enquanto ele não é lançado, o artista estreou em seu site oficial nesta semana a série, “A Viagem La Buena”.

10931339_757125514379297_4870001785647499934_nEssa série surgiu a partir de uma viagem de carro que Rapha fez no início de 2015, passando pelo litoral sul do Brasil, costa do Uruguai, centro e norte da Argentina.

Cada episódio traz uma nova história com entrevistas e relatos de residentes nas cidades que ele passou, além da experiência que o músico absorveu durante essa aventura pelo sul das Américas.





11110283_816806601744521_6482557783695820412_nE por falar em novidades, o primeiro compacto autoral do Rapha, “La Buena Onda”, lançado em maio de 2014, agora está disponível para streaming e download nas plataformas digitais, facilitando ainda mais os fãs do músico a curtir e se deleitar de canções de qualidade em apenas um clique. Basta acessar o site oficial de Moraes!




Por: Patricia Visconti

[Cabine da Pipoca] Malala – A Pequena Grande Mulher

documentario-he-named-me-malala_0

Neste mês de novembro tem lançamento do documentário da jovem Malala Yousafzai, uma ativista paquistanesa, que foi torturada por querer estudar em seu país, então ela levantou a causa pelos direitos humanos das mulheres, para ter acesso à educação em sua região, no vale do Swatna, província de Khyber Pakhtunkhwa, no Paquistão, já que lá os talibãs impedem as mulheres de irem à escola.

O documentário foi dirigido pelo norte-americano Davis Guggenheim, que já diriguiu outros documentários como
An Inconvenient Truth, The Road We’ve Traveled, Waiting for ‘Superman’ e que agora Malala, que o filme estreia no Brasil, na próxima semana dia 19 de novembro, em todos os cinemas brasileiros.

Sinopse

O documentário coloca um olhar sobre os eventos que aconteceram com Malala Yousafzai, uma jovem paquistanesa atacada pelo Talibã por falar sobre a educação das mulheres e suas consequências, incluindo seu discurso na ONU.

Informações do filme

Titulo
Malala

Lançamento
19 de novembro de 2015

Duração
1h27min

Dirigido por
Davis Guggenheim

Estrelando com

Malala Yousafzai

Gênero
Documentário

Nacionalidade
Estados Unidos

malala-interna


Assista os trailers do documentário da jovem Malala

Trailer 1

Trailer 2

 

Por Priscila Visconti

[Total Flex] MIS-SP apresenta a mostra “Somos Todos Imigrantes” neste fim de semana

12227555_10153163805235544_1797833158736521517_n

No próximo mês, mais exato no dia 10 de Dezembro comemora-se o Dia Internacional dos Direitos Humanos, e para celebrar essa data e relembrar de todos aqueles que construíram não apenas nossa cidade, mas nosso país, – os imigrantes – o Museu de Imagem e Som realizará neste fim de semana – 7 e 8 de Novembro, respectivamente, sábado e domingo – o evento “Somos todos imigrantes“.

O evento terá uma exposição 12189871_10153163805160544_8514824621995463128_ndo fotógrafo Chico Max e a Missão Paz, aonde serão composta por imagens de homens, mulheres e crianças do bairro do Glicério em parceria com o Padre Paolo Parise, um dos principais responsáveis pela instituição “Missão da Paz”, que apresentou os imigrantes de diversas partes do mundo que serão exibidas pela primeira vez no MIS.

Além do mais, interligado à exposição o Núcleo Educativo MIS apresentará o Cineclube Educativo Especial, que exibirá o longa-metragem “Fievel – Um conto americano”, de Don Bluth. Esse projeto já existente no museu traz clássicos da história do cinema com discussões mediadas pela equipe do programa.

Confira a programação completa abaixo:

7 de novembro, sábado

12h – 18h
Exposição Somos todos imigrantes, de Chico Max
e Barracas de comidas típicas (Área externa)

14h
Cineclube Educativo MIS (filme seguido de debate com o Educativo MIS)
Fievel – Um conto americano (dir. Don Bluth, Estados Unidos, 1986, 80 min, DVD). Fievel é um ratinho que se mudou, junto de sua família, da Rússia para os Estados Unidos fugindo do regime czarista. Chegando em Nova York, se perde dos familiares e descobre que a América se revela muito distante da “terra de oportunidades” que sonhava. Em sua saga para reencontrar a família enfrenta muitos desafios e faz amizades no Novo Mundo.
(Auditório LABMIS – 64 lugares)

8 de novembro, domingo

12h – 18h
Exposição Somos todos imigrantes, de Chico Max
Barracas de comidas típicas

14h
Palestra com o professor Clóvis de Barros Filho sobre o tema Somos todos imigrantes
Clóvis de Barros Filho é um dos mais requisitados palestrantes do país. Suas aulas e palestras sobre ética já foram ouvidas por milhões de pessoas, em todos os estados do Brasil, e de outros países como Uruguai, França, México, Argentina, Espanha e Portugal. Doutor e Livre-Docente pela Escola de Comunicações e Artes da USP, Clóvis atua no mundo corporativo desde 2005, por meio de seu escritório, o Espaço Ética. (Auditório MIS – 172 lugares)

16h
Bate-Papo com o fotógrafo Chico Max, o Padre Paolo Parise e alguns dos imigrantes fotografados para a exposição
O Padre Paolo Parise está à frente da Paróquia nossa Senhora da Paz que faz parte do projeto ‘Missão Paz’, obra dos missionários de São Carlos – Scalabrinianos, que possuem vivência junto aos migrantes, imigrantes e refugiados.
Chico Max é fotografo, designer gráfico e psicólogo com mais de 20 anos de experiência nas artes visuais. Fotografou mais de 50 personalidades como Daniela Mercury, Tom Zé e Isabela Fiorentino.
(Sala do Educativo -15 lugares)

Encerramento
Para encerrar o evento convidaremos o público para um grande abraço coletivo na área externa do museu.

SERVIÇO

SOMOS TODOS IMIGRANTES

DATA: 7 e 8 de novembro de 2015
HORÁRIO: 12h às 18h
LOCAL: Área externa, Auditório LABMIS e Auditório MIS
ENDEREÇO: Avenida Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo
TEL.: (11) 2117 4777
SITE: http://www.mis-sp.org.br
INGRESSO: GRÁTIS
Estacionamento conveniado: R$ 10 | Valet: R$15 [Conveniado]
Acesso e elevador para cadeirantes. Ar condicionado.
Confirma sua presença na página de eventos no Facebook!

Por: Patrícia Visconti

[Cabine da Pipoca] Saiu o 1º trailer de Alice Através do Espelho

ATTLG_002B_G_POR-BR_70x100-e1439582897421

O Cabine da Pipoca dessa semana vai para alucinados e loucos, por uma das histórias mais fantásticas de todo o mundo, que nesta quinta-feira (5), saiu o primeiro trailer da sequência de Alice no País das Maravilhas, do Tim Burton.

O primeiro trailer de Alice Através do Espelho, é só primeiro de outros que vem por ai, pois até a metade do ano que vem, deve vir mais trailers da história baseado nos livros de Lewis Carroll.

Se no primeiro Alice cai em um país das maravilhas seguindo o Coelho Branco e conhecendo diversos personagens estranhos e de todo tipo, nessa sequência a curiosa menina tem que ultrapassar obstáculos, estruturados em uma partida de xadrez, para então se tornar a rainha.

alice-in-wonderland-banner

Nessa nova aventura, Alice também irá passar por universos de pesadelos, povoados por criaturas esquisitas que vivem aprisionadas em paradoxos lógicos, argumentos circulares e ter mais raciocício e esperteza do que ela passou na outra aventura. Ou seja, esse filme promete muita aventura e emoção, assim como passamos no livro, em que vivemos momentos apreensivos com Alice tentando escapar das ‘tramóias’ da Rainha Vermelha.

Em Alice Através do Espelho a atriz Mia Wasikowaska, volta como a jovem e curiosa Alice, em que passa anos seguindo seu pai, navegando em alto mar, mas após voltar a Londres, ela se depara com um espelho mágico, em que faz ela voltar ao País das Maravilhas, e lá ela reencontra o Senhor Coelho Branco, interpretado pelo ator Martin Sheen e o Chapeleiro Maluco, que continua sendo interpretado por Johnny Depp.

Além de Helena Bonham Carter, como malvada Rainha Vermelha, Anne Hathaway como a Rainha Branca, Alan Rickman na voz da lagarta e Sacha Baron Cohen, na voz do Tempo.

CMd5dSDWUAAAhVr

Assista abaixo o primeiro trailer de Alice Através do Espelho

 

Por Priscila Visconti

[Cabine da Pipoca] Gabriel Opeck lança seu primeiro curta-metragem em Dezembro

1508654_1050913328266923_2241036259013331902_n

O músico, fotógrafo e videomaker, Gabriel Opeck está prestes a lançar seu primeiro curta-metragem, com data de lançamento em Dezembro.

O filme “Uma Carta Sem Destino” é baseado em fatos reais, escrita pelo próprio Opeck, que conta a história de um casal que após o término do relacionamento Bruno – personagem de Gabriel Opeck – se sente culpado pelo final do namoro, então ele tenta reverter a situação escrevendo à Júlia – interpretada pela atriz Bruna Estokero -, mas ela não mora mais onde ela vivia quando eles namoravam, então começa a jornada de Bruno, com apenas uma mochila nas costas, seus arrependimentos e muito amor para encontrar sua amada e perdoa-la.

12088113_1047763198581936_9166720820829434937_n

Uma história de amor e perdão, onde o amor é o protagonista da história e o orgulho não tem vez, para pedir perdão dos erros cometidos durante um longo relacionamento que acabou por motivos banais de um achar que estava sempre certo, enquanto o outro tinha que engolir os sapos da relação.

Sinopse:

Um casal se separa depois de alguns meses de um relacionamento sério e a culpa desse término é toda de Bruno(Gabriel Opeck) por sempre achar motivos para brigas e discussões do casal. Essa culpa pesa muito na consciência dele e agora ele tenta reverter tudo escrevendo uma carta de desculpas e indo entregar a ela, porém, Júlia(Bruna Estokero) já não vive mais no mesmo lugar onde ela vivia quando eles ainda estavam juntos e Bruno tenta encontra-la deixando toda sua vida para trás, pegando uma mochila e viajando sem um destino certo, tentando encontra-la.

Assista abaixo o primeiro teaser do curta:

Por: Patrícia Visconti

[Cabine da Pipoca] As novas aventuras do menino que não queria crescer – Peter Pan: O Filme

Pan-notícia-2

A Cabine da Pipoca de hoje vai entrar em um mundo mágico, cheio de fantasia e com muitas brincadeiras, com um garoto de apenas 12 anos, que não quer crescer, pois não quer perder os encantos e inocência da infância. O filme é Peter Pan, que estreou na semana passada, pra ser mais exata, na quinta-feira passada dia 8 de outubro, em todos os cinemas do Brasil.

O filme foi dirigido por Joe Wright, produzido por Greg Berlanti, Sarah Schechter e Paul Webster, tem o eterno Wolverine, Hugh Jackman, no papel do perverso Capitão Gancho e o jovem ator Levi Miller, como o Peter Pan.

A história tem uma nova visão sobre a origem dos personagens clássicos da trama, contando a história de um órfão que se muda para a terra mágica, Terra do Nunca, nesse lugar, o menino encontra muita diversão, aventura e alguns perigos, para então descobrir o seu destino, de se tornar o herói, no qual será conhecido como Peter Pan.

pan-film-2015

Sinopse:
O filme conta a história de como e quando Peter Pan, um órfão que ainda não tinha esse nome virou o menino que não cresce e chegou a Terra do Nunca. Nesta aventura, ele encontrará muita diversão, perigo e descobrirá seu destino de se tornar um heroi com nome de Peter Pan, junto aos meninos perdidos.

Elenco:
Peter Pan – Levi Miller
Barba Negra – Hugh Jackman
Tigrinha – Rooney Mara
Mary – Amanda Seyfried
James Gancho – Garrett Hedlund
Bishop – Nonso Anozie
Sereia – Cara Delevingne
Mãe Barnabas – Kathy Burke
Sr. Smee – Adeel Akhtar
Wendy Darling – Leni Zieglmeier
Dobkins – Jack Lowden
Lofty – Jimmy Vee
Irmã Thomas – Ami Metcalf
Chefe – Jack Charles
Nibs – Lewis McDougal
Kwahu – Tae-joo Na
Golias – Phill Martin
Murray – Kurt Egyiawan

Direção:
Joe Wright

Produção:
Greg Berlanti
Sarah Schechter
Paul Webster

Roteiro:
Jason Fuchs

Baseado em Peter Pan
por J. M. Barrie

sinopse-do-filme-peter-pan-2015

Gênero:
Aventura
fantasia

Música:
John Powell

Direção de fotografia:
Seamus McGarvey
John Mathieson

Edição:
Paul Tothill
William Hoy

Companhias Produtoras:
Berlanti Productions
RatPac-Dune Entertainment

Distribuição:
Warner Bros

Veja mais informações sobre o filme abaixo:
Twitter – @WarnerBrosEnt
Instagram – @wbpictures
Facebook – https://www.facebook.com/PeterPanFilme?fref=ts
Site – http://www.peterpanfilme.com.br/

6266_medio

Trailer:

 

Por Priscila Visconti

[Cabine da Pipoca] O cinema falado completa 88 anos desde a exibição do pioneiro do gênero

the-jazz-singer

Neste mês de outubro o cinema falado completo 88 anos, após a primeira exibição do musical “O Cantor de Jazz”, no dia 6 de outubro de 1927, em Nova Iorque.

O filme de grande duração, com falas e cantos sincronizados ao disco de acetato, foi um marco no cinema mundial, substituindo os filmes mudos, sendo o grande ápice na sétima arte.

Um dos maiores atores na época foi Al Jolson, sendo pioneiro e um dos melhores atores a cantar e atuar nos longas, sucesso na Broadway.

Apesar de que, as falas sempre existiram dentro dos filmes, já que em várias projeções os atores e atrizes cantavam escondidos atrás da tela em forma de dublagem, assim como os pianistas ficavam frente as telas improvisando a sonoplastia das películas.

A trama de “O Cantor de Jazz” retrata um jovem que desafia as tradições de sua família judia tradicional, onde ele cantarolava numa casa de diversões estadunidense canções populares da década, mas seu pai o punia por isso, então ele foge de casa e anos depois se torna um grande cantor de jazz, todavia seu conflito familiar permanecia e sua herança cultural também.

180px-The_Jazz_Singer

Sinopse:

A história de O Cantor de Jazz começa com o jovem Jakie Rabinowitz desafiando as tradições de sua família judia tradicional, cantando numa casa de diversões norte-americana canções populares da época. Punido por seu pai, um Chazan ou cantor litúrgico da sinagoga, que queria ver seu filho seguir seus passos, Jakie foge de casa. Anos depois se torna um cantor de jazz de sucesso, mas sempre em conflito com as relações com sua família e herança cultural.

Assista abaixo um trecho do filme “O Cantor de Jazz”:

Por: Patrícia Visconti

[Cabine da Pipoca] “Perdido em Marte” chega aos cinemas em todo o Brasil

15500690

No Cabine da Pipoca dessa semana vamos viajar até o Planeta vermelho, Marte, junto com o ator Matt Damon, e viver uma aventura pela vizinhança com o novo filme que estreou nessa quinta-feira (1), em todos os cinemas.

A ficção científica, dirigida pelo grande diretor, Ridley Scott, “The Martin”, ou em português, “Perdido em Marte”.

O filme tem no elenco Matt Damon, como o astronauta Mark Watney, que parte para uma missão para Marte, mas devido alguns problemas por lá e por não houver mais comunicação com o astronauta a NASA dá como morto, e Mark se vê abandonado naquele planeta deserto tendo que se virar sozinho para mandar algum sinal para o Planeta Terra de que ele está vivo.

Damon

“Perdido em Marte” é uma produção realizada da 20th Century Fox, começou a ser filmada em novembro de 2014, em Budapeste, então a partir de março desse ano, eles começaram as filmagens no sul da Jordânia, em Wadi Rum, também conhecido como o Vale da Lua, uma paisagem icônica usada em filmes antigos como Lawrence da Arábia.

O local já havia sido utilizado para paisagens marcianas, para as cenas passadas em outros produções cinematográficas, como Planeta Vermelho e Últimos Dias em Marte.

1cb494b5-4954-4992-8f6c-bccc072bb3e9

A história foi escrita por Drew Goddard, baseado no romance The Martian, de 2011, do Andy Weir, dirigido por Ridley Scott e tem no elenco além do Damon, como já foi citado acima como o protagosnista, mas também tem no elenco, Jessica Chastain, Michael Peña, Kristen Wiig, Jeff Daniels e Naomi Scott.

Esse é o quarto filme de ficção científica de Scott, depois de Alien em 1979, Blade Runner em 1982 e em 2012, Prometheus.

Sinopse
Durante uma missão a Marte, o astronauta Mark Watney está presumidamente morto depois de ter sido apanhado numa tempestade, onde é deixado para trás enquanto o resto da equipe planejam evacuar o planeta e regressar à Terra.

Watney encontra-se assim sozinho e abandonado, com algumas provisões e a sua sagacidade, destreza e espírito para sobreviver e encontrar uma maneira de enviar um sinal para casa, sabendo que mesmo que saibam que ele está vivo, é muito vaga a hipótese de um salvamento.

mart_Google

Elenco
Matt Damon como Mark Watney
Jessica Chastain como Melissa Lewis
Michael Peña como major Rick Martinez
Kristen Wiig como Annie Monstrose
Jeff Daniels como Teddy Sanders
Naomi Scott como Ryoko
Donald Glover como Rich Purnell
Kate Mara como Beth Johanssen
Aksel Hennie como Alex Vogel
Sean Bean como Mitch Henderson
Chiwetel Ejiofor como Venkat Kapoor
Sebastian Stan como Dr. Chris Beck
Mackenzie Davis como Mindy Park
Lili Bordan como Blair
Nick Mohammed como Tim Grimmes

Direção
Ridley Scott

Produção
Ridley Scott
Mark Huffam
Simon Kinberg
Michael Schaefer

Produção executiva
Aditya Sood

Roteiro
Drew Goddard

Baseado em The Martian
por Andy Weir

Assista abaixo o Trailer de Perdido em Marte

 

Por Priscila Visconti

[Cabine da Pipoca] “Para Minha Amada Morta”: Um drama secreto de um casamento aparentemente feliz

11391341_1621971201381242_2564176726686717383_n

O que você faria se descobrisse que a pessoa que você escolheu passar o resto da sua vida, tivesse um segredo que mudaria não apenas da vida dela, mas a sua principalmente?

É isso que acontece no drama “Para Minha Amada Morta“, dirigido e roteirizado por Aly Muritiba e produção da Grafo Audiovisual e distribuição da Vitrine Filmes.

Após a morte de sua esposa Fernando se torna uma pessoa quieta e introspectiva, trabalha fora e também, cuida de seu filho, mas ao organizar os pertences da falecida, ele descobre uma fita VHS que mudará sua vida.

Um longa metragem que foi o ganhador de sete prêmios no Festival de Brasília, do Zenith de Prata no Festival de Montreal e o Festival de San Sebastian, e chega aos cinemas no próximo ano.

Assista o teaser do filme abaixo:

Por: Patrícia Visconti

[Cabine da Pipoca] Cinema Nacional no OBC – “Que Horas Ela Volta?”

11713697_745633735560086_6600645553536916065_o

Nesta semana no Cabine da Pipoca, vamos de filme nacional, grandes mídias já falaram sobre a indicação que ele teve ao Oscar 2016 e tal, e nós d’O Barquinho Cultural, não queremos pautar sobre isso, então vamos falar um pouco do filme em si e não de suas premiações, que foram muitas, apesar do longa ter estreado no final de Agosto, no dia 27.

Protagonizado pela atriz e apresentadora Regina Casé, dirigido, escrito e roterado por Anna Muylaert, o filme chama-se “Que Horas Ela Volta?”, começou com outro nome, que era “A Porta da Cozinha”, foi baseado na própria história da diretora.

A diretora  usou a experiência de vida da babá que cuidou seu filho, que após de deixar sua filha em outro estado, a moça veio para São Paulo em busca de trabalho para conseguir dar uma vida melhor à sua filha.

O roteiro foi reescrito diversas vezes, até sair a história original, pois segundo a Anna Muylaert, ela queria algo bom e perfeito.

A atriz Regina Casé também ajudou na roteirização do filme, pois ela teve um papel importante, já que ela sabe muito bem a realidade de diversas mulheres nordestinas que vão à São Paulo em busca de emprego.

Mas, Anna queria algo que ficasse real em seu filme e não tipo ‘novelinhas fake’ das 9, foi ai que as duas escreveram a história, pois segundo a diretora para cuidar da cuidar de crianças dos outros é um trabalho sagrado que é bastante subestimado.

imagens

“Que Horas Ela Volta”, foi filmado em fevereiro de 2014 em uma mansão no Morumbi, zona sul de São Paulo, bairro de classe alta e demorou quase um ano para ser produzido e o longa foi lançado em todo o Brasil no dia 27 de agosto de 2015.

Apesar de mostrar a realidade de muitas mulheres do brasileiras, o filme não é tão dramático, mas tem um pouco de comédia, pois os produtores, atores e até a mesmo a diretora do longa o caracteriza como uma comédia dramática.

Sinopse
470745Val, uma mulher de Pernambuco, vai para São Paulo, deixando para trás sua filha, Jéssica, com o avô. Em São Paulo, Val encontra um emprego como babá e depois de empregada doméstica em uma casa de família de classe alta onde ela cuida do filho de seus patrões, Fabinho.

Treze anos depois, Val é economicamente estável, mas sente culpa por ter deixado para trás Jéssica. De repente, sua filha decide ir a São Paulo para fazer um vestibular, na mesma época que o filho do casal, e pede apoio a mãe, esta acreditando em uma segunda chance para um melhor relacionamento entre as duas.

Mesmo assim, a convivência é complicada, ainda mais pela personalidade da garota e forma como ela se porta na casa e perante os patrões de sua mãe, se sentindo mais a vontade e não aceitando a separação de classes e posições impostas no lugar.

Elenco
Regina Casé como Val
Michel Joelsas como Fabinho
Camila Márdila como Jéssica
Karine Teles como Barbara
Lourenço Mutarelli como Carlos
Helena Albergaria como Edna

Produção
Fabiano Gullane
Caio Gullane
Debora Ivanovr
Anna Muylaert

Roteiro
Anna Muylaert

Cinematografia
Bárbara Alvarez

Edição
Karen Harley

Distribuição
Gullane Filmes
Africa Filmes
Globo Filmes (co-produção)
Anna Muylaert

Prêmios
sundance film festival 2015
acting REGINA CASE E CAMILA MARDILA

Mais informações
Website: http://www.filmisnow.com
Facebook: http://on.fb.me/UFZaEu
Twitter: http://twitter.com/#!/filmisnow
G+ Page: http://goo.gl/s8s3Pz
Download App (Android): http://goo.gl/TFSFPz
Download App (iOS): http://goo.gl/wEWrKg

Confira abaixo o trailer do filme “Que Horas Ela Volta?”

 

Por Priscila Visconti