Arquivo da tag: crítica

Morrison e Mckean criaram um dos romances mais aclamados do Batman de toda Gotham City

1-FXiqf31rs-KJCcosa-Z4mgwg

Uma das graphic novel mais bem-sucedidas de todos os tempos “Batman: Arkham Asylum – A Serious House on Serious Earth”, com roteiro do grande Grant Morrison e ilustrado pelo Dave McKean, que originalmente foi publicado em 1989 nos Estados Unidas e relançado em 2013 pela Panini aqui no Brasil, o romance gráfico do Batman, que foi inspirado em outros trabalhos do morcego como The Dark Knight, em que Morrison concebeu a história para fazer uma abordagem pessoal ao personagem, usando referências simbólicas e desconstruindo muitos icônicos vilões do Batman. Continuar lendo Morrison e Mckean criaram um dos romances mais aclamados do Batman de toda Gotham City

[Crítica] De Volta Para O Futuro

48253b5988b23333f375d79df338b8d7-gp-Large

Robert Zemeckis e Bob Gale quando escreviam os primeiros esboços do que viria a se tornar De Volta Para O Futuro não tinham em mente o grandioso resultado de sua obra. A ideia original partiu de quando Gale, revirando seu porão encontrou um anuário da época de escola de seu pai, daí surgiu a pergunta, será que ele teria sido amigo de seu pai se os dois tivessem estudados juntos? Continuar lendo [Crítica] De Volta Para O Futuro

Crítica: Atomic Blonde

images-62

Hoje em cinema, vamos falar de um cinema que foi lançado em 2017, mas que neste ano de 2020, entrou para o catálogo do streaming da Netflix, o longa “Atomic Blonde”. Continuar lendo Crítica: Atomic Blonde

Crítica: Janela Indiscreta

james-stewart-em-janela-indiscreta

Após quebrar a perna em um acidente, o fotógra⁸fo Jeff (James Stuart) se vê confinado dentro de seu apartamento. Devido ao tédio, Jeff começa a olhar pela janela e se entreter com a vida de seus vizinhos, mas a situação fica cada vez mais estranha quando ele começa a suspeitar que seu vizinho cometeu um assassinato.

Continuar lendo Crítica: Janela Indiscreta

Resgate – O novo filme da Netflix relembra clássicos do cinema de ação

resgate-netflix

Estreou na última sexta-feira (24), o novo filme original da Netflix, Extraction (Resgate, em português), em que traz Chris Hewsworth no elenco e também na produção geral. A película se passa na Índia e tem direção de Sam Hargrave com roteiro de Joe Russo.

Continuar lendo Resgate – O novo filme da Netflix relembra clássicos do cinema de ação

Crítica: “Clube dos Cinco”

5c375d061f0000cc0828313d.jpg

John Hugues é considerado mestre quando o assunto é cinema adolescente. Responsável por clássicos adolescentes como Gatinhas e Gatões (1984) e Curtindo a Vida Adoidado (1986), entre outros. O grande diferencial de sua filmografia vem com o Clube dos Cinco. Continuar lendo Crítica: “Clube dos Cinco”

Critica E.T: O Extraterrestre

ET-o-Extraterrestre-768x461.jpg

O clássico de 1982 continua, muito provavelmente, como o melhor filme de Steven Spielberg. O diretor já passara por outros gêneros como o suspense, em Tubarão (1975), e até mesmo outra aventura sobre seres extraterrestres em Contatos Imediatos de Terceiro Grau (1977), como também, posteriormente, se consagraria com seus dramas de guerra A Lista de Schindler (1993) e O Resgate do Soldado Ryan (1998). Mas foi com E.T. que o diretor marcou sua carreira no cinema. Continuar lendo Critica E.T: O Extraterrestre

Altered Carbon traz novidades e poucas impressões no segundo ano da série

altered-carbon

30 anos se passaram desde que Takeshi Kovacs retorna para a cidade cyberpunk de Bay City, agora com uma nova missão, encontrar sua amada Quellcrist Falconer (Renée Elise Goldsberry), que mesmo dado como morta há séculos atrás, ela ainda se está viva, porém com alguns lapsos de memória, causados por um vírus instalado em seu corpo. E para que Falconer seja encontrada, Kovacs contará com a ajuda da caçadora de recompensas Trepp (Simone Missick), que está em busca no único soldado sobrevivente dos Emissários, Takeshi Kovacs, que nesta temporada o protagonista ganhou uma nova face, sendo interpretado por Anthony Mackie, essa nova “capa” do agente é ainda mais turbinada e repleta de novas tecnologias. Continuar lendo Altered Carbon traz novidades e poucas impressões no segundo ano da série

Shoujo Bomb: A coletânea que é um estouro

50299870-2140447102715151-8095238240212090880-n

Foi lançado no Anime Friends 2019, a primeira coletânea feita por quadrinistas brasileiras em uma arte totalmente oriental, o Shoujo. O livro Shoujo Bomb, tem toda característica e traços japonês, mas com a estética de arte de cada artista, saindo da figura daquelas garotas magras, uniformes de colegial e aquele romance meio sem graça. Continuar lendo Shoujo Bomb: A coletânea que é um estouro