Arquivo da tag: ícone

LUPIN III: O PRIMEIRO – Uma nova aventura do maior ladrão da cultura pop de todos os tempos

lupiniiithefirst-destacada

Nesta quarta-feira dia 3 de junho chega para locação e venda nas plataformas digitais o longa LUPIN III – O PRIMEIRO, que foi produzido pela TMS Entertainment Company, NTV (NIPPON TELEVISION) e MARZA ANIMATION PLANET e distribuído no Brasil pela SATO COMPANY , a animação em CGI estreou nos cinemas do Japão no dia 06 de dezembro de 2019, com enorme sucesso de bilheteria, crítica e público. Abrindo em 2.o lugar na 1ª semana e permanecendo por várias semanas nos Top 10 de bilheteria Japonesa. O filme estava previsto para ser lançado nos cinemas brasileiros, mas devido ao COVID-19 e consequente fechamento dos cinemas, a estratégia de lançamento foi alterada. Continuar lendo LUPIN III: O PRIMEIRO – Uma nova aventura do maior ladrão da cultura pop de todos os tempos

Inezita Barroso ganha exposição em São Paulo, por seu legado a música caipira

inezita-barroso-divulgacao-widelg
Foto: Divulgação

No último dia 4 de março, a cantora e apresentadora Inezita Barrosa completaria 95 anos de idade, uma artista icônica da cena sertaneja nacional, ela foi uma precursora das mulheres neste gênero musical. Uma artista completa, Inezita nasceu numa família privilegiada, uma apaixonada por cultura e principalmente pela música brasileira, a cantora começou a cantar e tocar viola e violão aos sete anos de idade, estudou piano no conservatório, e futuramente entrou na Universidade de São Paulo, para se graduar na turma de Biblioteconomia. Mas, foi como artista que ela ganhou notoriedade nacional. Continuar lendo Inezita Barroso ganha exposição em São Paulo, por seu legado a música caipira

‘À Meia Noite Levarei a Sua Alma’, a icônica história do nosso maior vilão

MMORQROUJJDKRJDFUIOB3-N45-TE

“O que é a vida? É o princípio da morte. O que é a morte? É o fim da vida. O que é a existência? É a continuidade do sangue. O que é o sangue? É a razão da existência!”; é com esse pequeno monólogo que se deu o pontapé inicial da produção de filmes de terror no Brasil e com ele nosso maior tesouro do gênero, o personagem Zé do Caixão que foi escrito e interpretado por José Mojica Marins (1935-2020). Continuar lendo ‘À Meia Noite Levarei a Sua Alma’, a icônica história do nosso maior vilão

Jotabê Medeiros lança biografia de Raul Seixas o confirmando como ícone do rock nacional

raul-seixas-esquerda-direita-comunista-anarquista2

O crítico musical e repórter Jotabê Medeiros, acaba de lançar seu novo livro, sobre o rei do rock nacional, Raul Seixas, a obra “RAUL SEIXAS – NÃO DIGA QUE A CANÇÃO ESTÁ PERDIDA”, conta a trajetória de um dos maiores ícones da música brasileira, desde a sua vida pessoa, até sua consagrada carreira no rock brasileiro. Continuar lendo Jotabê Medeiros lança biografia de Raul Seixas o confirmando como ícone do rock nacional

“Hebe A Estrela do Brasil” – Uma biografia repleta de lutas e poder contra o patriarcado da ditadura militar

hebe-filme2

Nesta quinta-feira (26), estreia nos cinemas a cinebiografia “Hebe A Estrela do Brasil”, baseado na vida da apresentadora e dama da televisão brasileira Hebe Camargo, que faleceu há sete anos atrás por complicações de uma doença. Continuar lendo “Hebe A Estrela do Brasil” – Uma biografia repleta de lutas e poder contra o patriarcado da ditadura militar

Stan Lee – De sonhador literário a ícone dos quadrinhos mundial

stan-lee-drawn-by-neal-adams-600x338

“Eu não sou um profeta, mas estou adivinhando que os quadrinhos vão ser sempre fortes. Eu não acho que nada possa realmente bater a alegria pura e o prazer de segurar uma revista em sua mão, lendo a história no papel, poder enrolá-la e colocar em seu bolso, reler de novo mais tarde, mostrar a um amigo, levar ela junto, jogar na estante, colecioná-las, ter um monte de revistas empilhadas e ler de novo como série. Eu penso que os jovens sempre amaram isso. Eu acho que eles vão sempre amar.” Continuar lendo Stan Lee – De sonhador literário a ícone dos quadrinhos mundial

A história do Velho Guerreiro chega aos cinemas brasileiros

“Vocês querem bacalhau?”

6112244-x720-750x380

Abrindo o texto com uma frase bem marcante de Chacrinha, que estreia um longa metragem biográfico – “Chacrinha: O Velho Guerreiro”, contando a história em uma comédia dramática, dirigido por Andrucha Waddington, com roteiro de Cláudio Paiva, o filme é uma coprodução da Media Bridge com a Globo Filmes, em associação com a Conspiração Filmes. Continuar lendo A história do Velho Guerreiro chega aos cinemas brasileiros

[Total Flex] MIS-SP mostra um pouco da vida e a obra de Renato Russo

Renato Manfredini Júnior, ou simplesmente Renato Russo, um poeta, um músico, um artista completo que visava não apenas suas própria música, mas a música do mundo, aquela que se ouve e se sente profundamente dentro da alma, suas obras não – na verdade não são – temporais, daquelas que “temos todo o tempo do mundo“, como ele mesmo já dizia em Tempo Perdido, mesmo que “não temos mais o tempo que passou“. Continuar lendo [Total Flex] MIS-SP mostra um pouco da vida e a obra de Renato Russo

[Cantinho Literário] Jackie Ormes – A primeira quadrinista negra

Ela era negra, viveu numa época bem distinta, onde não apenas os negros, mas as mulheres quase não tinham voz, mas independente disso, Jackie Ormes virou o jogo e se consagrou na primeira quadrinista e roteirista negra no século 20. Continuar lendo [Cantinho Literário] Jackie Ormes – A primeira quadrinista negra

[Cabine da Pipoca] Cássia Eller: Uma artista sem fronteiras!

9vtd5lr9jrdx3vos6e9ot28ae

Há 14 anos atrás falecia um dos ícones mais irreverentes da música popular brasileira, com voz rouca e seu jeito moleca de ser, Cássia Eller deixou mais que um legado na música, mas também para a sociedade.

Teve sua pré-estreia na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, com estreia nacional no dia 29 de janeiro de 2015. Dirigido por Paulo Henrique Fontenelle, o documentário que traz um pouco sobre a vida e a obra dessa grande artista, que apesar de ser tímida por trás dos palcos, tinha uma força gigantesca e inquieta em suas performances dentro dele.

20672487Cássia Eller foi um grande marco da MPB no final da década de 80 e nos anos 90, que teve sua carreira interrompida em 2001, aos 39 anos, após sua morte precoce decorrente de um infarto repentino no coração.

Um filme sobre a cantora, a mãe, a mulher que expôs sua vida pessoal e rompeu barreiras, deixando um belo legado social e artístico. Além de depoimentos de nomes de suma importância da música nacional, como Nando Reis, Oswaldo Montenegro, Zélia Duncan, entre outros, além da própria Cássia.

Confira abaixo o trailer oficial do documentário:

Por: Patrícia Visconti