Arquivo da tag: lançamento

[Cantinho Literário] Umberto Eco deixa seu legado e livro novo a ser publicado

83f09a4f-838b-4192-95ac-3d4cffe82a25

Faleceu na última sexta-feira (19), o escritor, filósofo, linguista e bibliófilo italiano, Umberto Eco, aos 84 anos, o escritor morreu em sua casa, em Milão, na Itália, às 22h30 da noite. Eco era titular da cadeira de Semiótica de France da Escola Superior de Ciências Humanas, na Universidade de Bolonha, lecionou em diversas universidades, como as norte-americanas Yale e Havard, na Collège de France e na Universidade de Toronto, além de ser colaborador para diversos veículos acadêmicos, entre eles a revista semanal italiana L’Espresso, na qual escreveu sobre uma infinidade de temas.

nome-da-rosa-umberto-eco-livro-capaSeu livro de mais conhecimento e premiado foi “O Nome da Rosa”, lançado em 1980, lhe dando o Premio Strega, no ano de 1981, este livro foi traduzido para diversos idiomas e abrindo as portas da carreira literária para todo o mundo, sucedendo à outras obras como “O Pêndulo de Foucault”, “A ilha do dia antes”, “Baudolino”, “A misteriosa  chama da rainha Loana” e “O cemitério de Praga”.

No ano de 2010, Umberto Eco, junto com Jean-Claude Carrière, lançou “N’Espérez pas vous Débarrasser des Livres” (“Não Espere se Livrar dos Livros”, publicado aqui no Brasil como “Não contem com o fim do livro”).

um-baronete-das-bibliotecasSeu último livro escrito, será publicado nesta sexta-feira (26), na Itália, na mesma semana, em que será o funeral do escritor, o livro foi entitulado de “Pape Satan Aleppe”, que é um compilado de seus ensaios publicados desde 2000 no semanário italiano “L’Espresso”, ao qual o filósofo contribuía e o título do livro, retoma as palavras iniciais do canto VII do Inferno da Divida Comédia de Dante Alighieri. Este significado misterioso, deu lugar a muitas interpretações, mas para Umberto Eco, a expressão era suficiente para caracterizar a confusão do nosso tempo.

Confira abaixo a biografia de Umberto Eco

Romances

* O nome da rosa (Il nome della rosa, 1980) (Prêmio Médicis, livro estrangeiro na França);
* adaptação cinematográfica de Jean-Jacques Annaud, com Sean Connery e Christian Slater nos papéis principais;
* O Pêndulo de Foucault (livro) (Il pendolo di Foucault,1988);
* A ilha do dia anterior (L’isola del giorno prima, 1994);
* Baudolino (Baudolino, 2000);
* A misteriosa chama da rainha Loana (La misteriosa fiamma della regina Loana 2004);
* O Cemitério de Praga (Il cimitero di Praga), 2011
* O número zero (Numero zero), 2015.

Umberto Eco pipa

Ensaios

Obras nas áreas de filosofia, semiótica, linguística, estética traduzidas para a língua portuguesa:

* Obra aberta (1962)
* Diário mínimo (1963)
* Apocalípticos e integrados (1964)
* A definição da arte (1968)
* A estrutura ausente (1968)
* As formas do conteúdo (1971)
* Mentiras que parecem verdades (1972) (coautoria de Marisa Bonazzi)
* O super-homem de massa (1978)
* Lector in fábula (1979)
* A semiotic Landscape. Panorama sémiotique. Proceedings of the Ist Congress of the International Association for Semiotic Studies (1979) (coautoria de Seymour Chatman e Jean-Marie Klinkenberg).
* Viagem na irrealidade cotidiana (1983)
* O conceito de texto (1984)
* Semiótica e filosofia da linguagem (1984)
* Sobre o espelho e outros ensaios (1985)
* Arte e beleza na estética medieval (1987)
* Os limites da interpretação (1990)
* O signo de três (1991*) (coautoria de Thomas A. Sebeok)
* Segundo diário mínimo (1992)
* Interpretação e superinterpretação (1992)
* Seis passeios pelos bosques da ficção (1994)
* Como se faz uma tese (1995*)
* Kant e o ornitorrinco (1997)
* Cinco escritos morais (1997)
* Entre a mentira e a ironia (1998)
* Em que creem os que não creem? (1999*) (coautoria de Carlo Maria Martini)
* A busca da língua perfeita (2001*)
* Sobre a literatura (2002)
* Quase a mesma coisa (2003)
* História da beleza (2004) (direcção)
* La production des signes (2005 em francês)
* Le signe (2005; em francês)
* Storia della Brutezza (2007). Em Portugal, traduzido como História do feio, e, no Brasil, como História da Feiura.
* Dall’albero al labirinto. No Brasil, como Da Árvore ao Labirinto (2007)
* A vertigem das listas (2009)
* Não contem com o fim do livro (2010*) (co-autoria de Jean-Claude Carrière)
* História das Terras e Lugares Lendários (2013)

Biblioteca-640x384

Por Priscila Visconti

[CABINE DA PIPOCA] “PROCURANDO DORY”: UMA DIVERSÃO PARA FICAR NA MEMÓRIA

procurando-dory-topo

Para essa semana a Cabine da Pipoca apresenta aos fãs de “Procurando Nemo” uma aventura ‘molhada’ que vai fazer você prender a respiração.

procurandodoryDando continuidade as aventuras do peixinho Nemo, da Disney Pixar, o filme Procurando Dory estreia  no dia 17 de junho, nos Estados Unidos, enquanto no Brasil, o lançamento está previsto para 30 junho.

O longa promete enlouquecer os admiradores da saga. Mas, em um novo cenário, pois agora será a costa da Califórnia.

Dirigido por Andrew Staton, o mesmo diretor de “Procurando o Nemo”, “Wall-E”, “John Carter” e “Toy Story”, além do mais, Staton roteirou junto com Victoria e Bob Peterson. Na dublagem nomes conhecidos pelo público, como Alexander Gould (Nemo), Ellen DeGeneres (Dory), Geoffrey Rush (Nigel), Albert Brooks (Marlim), Willem Dafoe (Gill), Barry Humphries (Bruce), entre outros.

main-qimg-70935658687dac7eba112bc61e51b37bO filme traz a peixinha mais querida do mar, que após se perde de seus amigos peixes-palhaço onde mora no recife, ela põe pai e filho à caçá-la. Se foi difícil para Marlin (pai de Nemo) atravessar os sete mares em busca de seu filho, imaginem a Dory, que sofre de perda de memória recente, cercada de polvos, leões-marinho e baleias?

Se em ‘Procurando Nemo’, as cenas de mais risos eram com a Dory, imaginem agora, a história toda baseada nessa esquecida peixinha.

Então, preparem-se para essa aventura marinha e não se esqueçam, a Dory é azul!

Continuem a nadar…

Segue abaixo o trailer do filme para deixá-los ainda mais ansiosos:

Por: Carla Cunha

[Caixa de Som] Gabriella Rego lança seu novo EP, repleto de harmonia e emoção

994710_516525861849489_8775804489933934218_n

Já que no última terça-feira – também conhecida como antem – (16), aconteceu o Grammy Awards 2016. Então, entramos no clima e vamos propagar o que a música pop tem de novo e com qualidade, como o som da cantora inglesa Gabriella Rego, que adora pop music, é fã da Jennifer Lopez e música latina.

12512310_1201556853192503_4991614675808040650_nA cantora, compositora e instrumentista lançou no dia 30 de janeiro de 2016 seu novo EP, “Free”. Que traz o single homônimo ao compacto, e apresenta uma canção bem intima, mas que qualquer apaixonado pela sua liberdade irá se identificar. A letra foi composta pela própria artista, assim como os arranjos, que traz sua voz doce e marcante em cada estrofe, mostrando que mesmo após algumas decepções a vida pode prosseguir feliz e em paz.

Esse EP segue a mesma concepção do primeiro lançando por Gabriella em 2012, o “Need To Know”, com muita música pop, afinação e harmonia em suas melodias.

“Free” consta com quatro faixas e está disponível na plataforma da Apple, o iTunes e também na Amazon, ambos os links estão no site oficial da cantora.

10372344_1198223310192524_3978209510260189529_n

Como dito acima, o primeiro single divulgado, “Free”, ganhou um videoclipe bem minucioso, onde mostra Gabi cantando e tocando piano com a alma e coração puros, e refletindo sobre si mesmo. Assista abaixo:

Para conhecer mais sobre a carreira de Gabriella Rego acesse:

Site | Facebook | Twitter | SoundClound | Youtube | Instagram

Por: Patrícia Visconti

[Caixa de Som] Musidora traz a originalidade em cada acorde

Foto por: Taty Karendyerk
Foto por: Taty Karendyerk

Os paulistanos da banda Musidora fazem um rock pop bem convencional aos ouvintes amantes do gênero, com letras que remetem ao cotidiano de um a grande cidade, amores, desamores e desilusões, a essência e originalidade única e peculiar de cada integrante, sendo autorais e autentico em suas composições.

Formada pelos músicos Daniel Keny (vocal e guitarra), Rafael Berti (guitarra), Victor Gama (baixo) e William Nunes (bateria), os garotos lançaram o segundo trabalho da banda, o EP inédito “Mil Pedaços” no final de 2015.

10384803_359476100902150_7018088070588130329_nEsse material conta com cinco faixas exclusivas assinada pelos integrantes, e traz um rock pop moderno e com letras todas em português, com uma convicção ímpar, os músicos entraram em estúdio sabendo o queriam e o que eles seus fãs queriam ouvir. A produção leva assinatura de Pedro Ramos, guitarrista da banda Supercombo e foi gravado no estúdio Gritaria Mix & Master, em São Paulo.

Foto por: Taty Karendyerk
Foto por: Taty Karendyerk

Um álbum que molda realmente a Musidora, definindo seu estilo de apresentar e multi-instrumentalizar seu som, sendo um aprendizado válido e único para os garotos, que conseguiram se enxergar como verdadeiros músicos, principalmente após contando com um grande apoio de profissionais da música.

Confira abaixo algumas imagens do show no Barulho Café Pub, em Santa Cruz, no Rio de Janeiro. Essa apresentação fez parte da turnê pelo Rio de Janeiro, do “Festival Rio Rock Sampa”, organizado por bandas independentes das cidades de São Paulo, Guarulhos e Rio de Janeiro.



Para ouvir esse EP na íntegra, basta acessar o canal oficial no Youtube da Musidora. E para conhecer mais sobre a banda, é só ficar ligados nas redes sociais, que além de novidades musicais, eles também divulgam agenda, lançamentos, parcerias, entre outras coisas mais.

934018_456462344536858_1111465136910781544_n
Foto por: Taty Karendyerk

Facebook | SoundCloud | Youtube | Instagram

Por: Patrícia Visconti

[Caixa de Som] Edu Sereno lança seu novo álbum poetizando os valores e percepções de cada individuo

429197_397860643573664_2085769182_n

Paulistano, músico, poeta e instrumentista, Edu Sereno lançou em Outubro de 2015 seu primeiro compacto autoral, “O Pão Que O 11232276_1159137637445957_1964162452129075062_nDiabo Ama Sou”, um projeto concretizado durante a turnê de seu primeiro trabalho, o EP “Esquinas, Janelas e Canções”.

E por falar em canções, suas obras contam histórias, onde somos protagonistas e expectadores da sua própria vida, um retrato real da vivência de qualquer jovem que busca sua identidade e posição diante a sociedade. Com uma sonoridade que que vai da MPB, passando pelo indie, rock pop, regional, e o instrumental que cativa qualquer ouvinte da boa música, com sua voz doce e sutil, faz você ser levado pela ondas sonoras de suas canções, onde Edu divide suas vivências, momentos, rotina, amores e desamores, compartilhando emoções únicas e peculiares de cada individuo, como se já os conhecessem a anos.

Foto por: Cleiton Tiburcio
Foto por: Cleiton Tiburcio

Sereno já tocou em várias capitais do Brasil, lotando e cativando o público presente, e pretende contagiar ainda mais pessoas com seu novo trabalho. Mais amadurecido e com timbres autênticos, modernos e íntimos, Edu traz sua própria essência em “O Pão Que o Diabo Ama Sou Eu”.



Apresentando seu nov projeto, Edu Sereno se apresenta – para lançar seu novo álbum – no último domingo de janeiro (31), a apresentação no Sesc Itaquera, “A Zona Leste é o Centro”. Um programa do SESC que visa mostrar uma série de representações da cultura das regiões periférica da grande megalópole paulistana, dando relevância a cena cultural autêntica, autoral e independente da periferia.

Foto por: Cleiton Tiburci
Foto por: Cleiton Tiburci

SERVIÇO

Edu Sereno no SESC Itaquera – 
Lançamento de “O Pão Que o Diabo Ama Sou”

Data: 31/ Janeiro/ 2016
Horário: 16h
Local: Sesc Itaquera
End: Avenida Fernando do Espírito Santo Alves de Mattos, 1000. Itaquera/ SP.
Entrada: GRÁTIS – (não é necessário retirar ingressos).
Mais informações: Facebook

Para conhecer mais sobre o Edu acesse:
Site | Facebook | Twitter | Instagram | Youtube

E para ouvir o novo álbum de Sereno na íntegra e totalmente gratuito, basta achegar em seu SoundCloud e também no Spotify.

Edu Sereno é a revelação e autenticidade da música popular brasileira, poetizando a realidade, ganhando notoriedade e fidelidade com sua obra moderna e distinta.

Por: Patrícia Visconti

[Cabine da Pipoca] Alvin e Os Esquilos está de volta nos cinemas neste Natal

alvin-trio-poster-620360

Quem gosta dos esquilinhos mais fofos do mundo, levanta a mão? Com certeza, todos nós amamos eles! Aposto que, pelo menos um filme de Alvin e os Esquilos, você já assistiu e por isso, eles estão de volta, para animar a sua véspera de natal, com mais aventuras, muita fofurinha e mais gritos do Dave, pelo Alvin.

O filme “Alvin e os Esquilos: Na Estrada”, estreia na próxima semana, dia 24 de dezembro, em todos os cinemas brasileiros. Dirigido pelo Walt Becker, escrito por Randi Mayem Singer e Adam Sztykiel, e no elenco tem Jason Lee, Tony Hale, Kimberly Williams-Paisley, Josh Green, Justin Long, Matthew Gray Gubler, Jesse McCartney, Kaley Cuoco, Anna Faris e Christina Applegate.

O filme nos Estados Unidos, vai lançar nesta sexta-feira (18), mas aqui no Brasil, ele só chega na véspera de natal pela Fox Film Brasil, por isso deixa as coisas do natal para fazer um dia antes e corra para o cinema mais próximo, para conferir mais uma aventura de Alvin, Simon e Theodore, que vai cair na estrada, rumo a Flórida, para impedir que seu pai, Dave, se case e eles acabam ganhando um meio-irmão horrível.

Sinopse

Através de uma série de mal-entendidos, Alvin, Simon e Theodore passaram a acreditar que Dave vai pedir sua nova namorada em casamento em Nova York… e despejá-los.

Eles têm três dias para chegar até ele e impedir o pedido, salvando-se não só da perda de Dave, mas possivelmente de ganhar um terrível meio-irmão.

602x0_1443108435

Elenco
Jason Lee como David “Dave” Seville
Tony Hale como Agente Peter Suggs
Kimberly Williams-Paisley como Samantha
Josh Green como Myles
Justin Long como Alvin
Matthew Gray Gubler como Simon
Jesse McCartney como Theodore
Kaley Cuoco como Eleanor
Anna Faris como Jeanette
Christina Applegate como Brittany
Bella Thorne como Ashley
Redfoo como ele mesmo

Informações

Lançamento: 24 de dezembro de 2016
Dirigido por: Walt Becker
Com: Matthew Gray Gubler, Jason Lee, Justin Long
Gênero: Animação , Aventura , Comédia , Família
Nacionalidade: EUA
Título original: Alvin And The Chipmunks: Road Chip
Distribuidor: FOX FILMES

 

Por Priscila Visconti

[Caixa de Som] Paula Cavalciuk traz seu íntimo musical para a música brasileira

12088094_797300527047664_870310056289254312_n

Paula Cavalciuk é paulista da cidadezinha de Tapiraí, mas iniciou sua carreira musical em Sorocaba, no interior de São Paulo. Todavia, ainda na infância já arrancava alguns acordes de forma pop e visceral, com sua voz suave e bastante marcante, que cativa o ouvinte já na primeira estrofe.

Foto por: Amanda Fogaça
Foto por: Amanda Fogaça

Antes de partir para a carreira solo, fez parte de vários grupos e duplas, dentre essas ela conheceu Vinicius Lima (voz, violão, viola caipira e guitarra), que ficaram tão íntimos musicalmente que desde então a parceria permanece até hoje.

Mas, foi em solitário que ela se encontrou, e junto com uma equipe de músicos extraordinários, como Ítalo Ribeiro (voz e percuteria), Fabrício Masutti (baixo) e Lucile Cavalciuk (voz e violão) fazem um som ímpar e peculiar, não fugindo de suas essências, mas apresentando um frescor novo e único para a música popular brasileira.

Foto por: Amanda Fogaça
Foto por: Amanda Fogaça

Em outubro, a cantora lançou seu primeiro projeto autoral, o EP intitulado “Mapeia”, produzido por Ítalo Ribeiro e teve co-produção de Gustavo Ruiz e Bruno Buarque. O trabalho é resultado das primeiras investidas autorais apresentadas no show intitulado “Músicas (Im)Próprias”. Um disco que fala do cotidiano, relacionamentos, sociedade, além de medos e coragens que todos nós temos e enfrentamos diariamente durante nossa rotina mundana.

Além de cantora, Paula é instrumentista, e toca gaita, violão, percussão e kazoo. Suas principais influências vem do rock e pop internacional, entre eles estão, Beatles, Pink Floyd, Janis Joplin, Madonna e The Cranberries, porém ela busca inspirações no melhor de cada estilo, mesclando todos em um, e fazendo seu som único e inerente, criando sua própria identidade musical, em que a cantora desenha e constrói um fanzine, vendidos em seus shows, onde ela traduz sua melodia em palavras e desenhos.

Foto por: Xinxilah Photos
Foto por: Xinxilah Photos

Conheça um pouco da Paula em seu primeiro videiclipe, do single “Maria Invisível”;

Para saber mais acesse:
Facebook | Youtube | Twitter | Instagram | SoundCloud

Por: Patrícia Visconti

[Cantinho Literário] Juliana Loyola e seus sonhos imagéticos

11760160_822326934551564_1951137150451798361_n

Nas andanças pela Comic Con Experience desse ano, conhecemos uma garota muito legal, esperta e inteligente, que usa de suas ideias, sonhos, imaginação e tudo que ela vê, como filmes, livros e a rotina do dia a dia, em ilustrações.

12240017_877103605740563_2063903499408916521_n

Seu nome é a Juliana Loyola, ela está lançando seu primeiro livro ‘The Witch Who Loved’, que é todo baseado em animação e também todo em preto e branco, que ela mesma criou cada personagem, desenhando um a um, mas o livro não há escrita, apenas desenhos.

11147174_866412230143034_5422101799243796968_n

Juliana tem formação em animação e ilustração, isso fez com que ela aprendesse muito, ajudando a ampliar suas ideias e também a animação de arte abstrata, a sua favorita.

A jovem palistana é ilustradora e está sempre pela internet, respondendo perguntas do pessoal e também sobre seu livro.

Aliás, a ilustradora Juli não escuta, mas se comunica muito bem através de suas artes, fazendo com que qualquer pessoa compreenda ilustrações.

12107757_865251650259092_1449129594146301091_n

Não que me esqueço, em breve ela estará aqui no Cantinho Literário com uma entrevista super maneira e quem sabe falando de seu novo livro ‘Boys Love’, que foi lançado pela Editora Draco.

Mais informações sobre a ilustradora Juliana Loyola, acesse os endereços abaixo, ela também está vendendo seu livro The Witch Who Loved, que está custando R$ 20,00 + frete, basta escrever para a Ju, que ela irá informa mais informações sobre a venda.

Blog |  Facebook |  Twitter |  Instagram

12341062_884556078328649_3862341501511154927_n

Por Priscila Visconti

[Cabine da Pipoca] O sétimo capítulo da saga das estrelas chega às telonas

Kylo-Ren-art-Star-Wars

A sétima parte da série de filmes “Star War” está prestes a chegar nas telonas, após três décadas do “Retorno de Jedi”, “Star Wars: O Despertar da Força” estreia nos cinemas brasileiro no dia 17 de Dezembro de 2015, e tem sido a película mais aguardada desde seu anúncio em 2013.

Star Wars: The Force Awakens Ph: Film Frame ©Lucasfilm 2015
Star Wars: The Force Awakens
Ph: Film Frame
©Lucasfilm 2015

No sexta capítulo da franquia, Luke Skywalker faz com que Darth Vader encontre seu lado bom e exclui o Imperador Palpatine na segunda Estrela da Morte, após 30 anos o mesmo Luke se une a Princesa leia, Han Solo, Chewbacca e os robôs C-3PO e R2-D2 para uma aventura espacial na disputa pela força.

star-wars-the-force-awakens-stormtrooper-wallpaperEsse é o primeiro filme da série produzido após a venda da LucasFilm, de George Lucas para a Walt Disney Pictures, que a partir de agora fará a distribuição da franquia. Além de ser a primeira nova trilogia da saga.

Todavia, o criado de Star Wars, George Lucas serviu como consultor criativo deste projeto, que conta com a direção J.J. Abrams, que também roteirou juntamente com Lawrence Kasdan – o mesmo roteirista de “O Império Contra-Ataca”, (1980) e “O Retorno de Jedi” (1983).

more-star-wars-episode-vii-space-ships-vehicles-descriptions-han-solos-wardrobe-and-more-speculation

No elenco principal caras novas, mas personagens bastante conhecidos pelos fãs da série, dentre esses conta com John Boyega, Daisy Ridley, Adam Driver, Oscar Isaac, Andy Serkis, Domhnall Gleeson, e Max von Sydow, com Harrison Ford, Carrie Fisher, Mark Hamill, Anthony Daniels, Peter Mayhew e Kenny Baker reprisando seus papéis dos filmes anteriores.

r2d2-and-c3po-star-warsEssa nova temporada do saga contará sobre a luta da resistência – antiga Aliança Rebelde – contra a primeira ordem – antigo Império Galáctico -, protagonizado por Daisy Ridley, John Boyega e Oscar Isaac, que interpretarão, respectivamente, Rey, Finn e Poe. Respeitando a trama original do “Episódio VII”, mas sem se basear diretamente em nenhum dos livros, histórias em quadrinhos ou outros materiais lançados na franquia Star Wars.

Elenco:

  • Daisy Ridley como Rey: Uma sucateira e negociante endurecida por toda uma vida lidando com os perigosos bandidos do hostil e desértico planeta Jakku;
  • John Boyega como Finn: Um Stormtrooper guerreiro treinado e desesperado para fugir do seu passado, Finn se entrega completamente à aventura, deixando sua consciência o guiar por um caminho heróico e perigoso;
  • Oscar Isaac como Poe Dameron: Um piloto, Poe Dameron é um líder na luta da Resistência contra a Primeira Ordem. Ele vai para as batalhas atrás dos controles de um moderno caça X-Wing;
  • Adam Driver como Kylo Ren: Um guerreiro obscuro e poderoso com a Força, Kylo Ren comanda missões da Primeira Ordem com um temperamento tão intenso quanto seu sabre de luz nada convencional;
  • Harrison Ford como Han Solo;
  • Mark Hamill como Luke Skywalker;
  • Carrie Fisher como Leia Organa: 30 anos após a Batalha de Endor, Leia é, agora, uma das líderes da Resistência, conhecida como General Leia.
  • Peter Mayhew como Chewbacca;
  • Kenny Baker como R2-D2;
  • Anthony Daniels como C3PO;
  • Gwendoline Christie como Capitã Phasma: Vestida com armadura metálica, Phasma comanda legiões de Stormtroopers da Primeira Ordem;
  • Lupita Nyong’o como Maz Kanata: Uma pirata que já viveu mais de mil anos com um castelo no planeta Takodana.
  • Andy Serkis como Supremo Líder Snoke. Snoke é o líder da Primeira Ordem, e, segundo J.J Abrams, uma figura poderosa com o Lado Negro Da Força. É ele quem narra o primeiro teaser do filme;
  • Domhnall Gleeson como General Hux: Um jovem oficial, implacável na Primeira Ordem, General Hux tem total confiança em suas tropas, métodos de treinamento e armas.
    Tim Rose como Almirante Ackbar.

Completam o elenco: Greg Gunberg, Max von Sydow, Miltos Yerolemou, Christina Chong, Billie Lourd, Kiran Shah, Crystal Clarke, Pip Anderson, Billie Lourd, Simon Pegg, Daniel Craig, Warwick Davis, Maisie Richardson-Sellers, Iko Uwais, Yayan Ruhian, Cecep Arif Rahman, Amybeth Hargreaves, Leanne Best e Jessica Henwick.

Direção: J.J. Abrams
Produção: Kathleen Kennedy, J.J. Abrams e Bryan Burk
Roteiro: Michael Arndt, Lawrence Kasdan e J.J. Abrams
Baseado em Star Wars, de George Lucas.
Música: John Williams
Companhia(s) produtora(s): Lucasfilm e Bad Robot Productions
Distribuição: Walt Disney Studios Motion Pictures

Confira abaixo o trailer oficial de “Star Wars: O Despertar da Força”:

Por: Patrícia Visconti

[Cantinho Literário] Uma viagem no tempo, em “Manipuladores do Tempo”, de Júlio Nascimento

11334238_863580997057241_8433464233867634139_o

O Cantinho Literário dessa semana, vamos viajar no tempo, vivendo uma história fantástica, com aventura, emoção e claro romance, afinal quem nunca quis viajar no tempo, para poder conhecer outros povos, culturas, ou conhecer mais sobre a origem da raça humana.

O livro “Manipuladores do Tempo”, do escritor mineiro Júlio Nascimento, 37 anos, que escreveu esse livro com certeza pensando de como era poder o mundo nos anos atrás ou então, de como será no futuro, pois sua obra uma literatura de ficção cientifica fantasiada.

Essa obra faz com que a pessoa seja levada para uma viagem no tempo, mostrando desde de quando nasceu a a Teoria da Relatividade do cientista Albert Einstein, denominando o espaço-tempo em uma entidade geométrica unificada, sendo possível atravessar e chegar a tempos de outras dimensões diferentes.

“Manipuladores do Tempo” foi lançando em agosto desse ano de 2015, pela Chiado Editora e já está disponível para venda, em grandes livrarias do país, como Livraria Cultura e LivrariaTravessa, mas por enquanto só pela internet.

A obra não sai por menos de 20 reais, além do que… Quem ler “Manipuladores do Tempo” viajará pelo tempo,  se aventurando por um mundo fantástico, defendendo a raça humana contra forças alienígenas e também nazistas da Segunda Guerra Mundial.

10502231_862543823827625_826897038264841887_n

SINOPSE

A narrativa discorre sobre a existência de uma organização denominada Temporalidade, que controla o tempo, mudando o curso da história humana em prol de uma civilização melhor. Adam Smith é um membro dessa organização. Ele viola uma regra da Temporalidade, apaixona-se por Érika Thompson.

Com medo de ser descoberto, o nosso protagonista decide abandonar tudo para viver ao lado da amada. No entanto, Érika o trai, abandonando-o no primitivo século 20. Dessa desilusão amorosa surge a missão mais importante de Smith que é, além de defender a permanência da Temporalidade, defender a existência humana, lutando contra forças alienígenas e nazistas envolvidas na Segunda Grande Guerra Mundial.

Mais informações

Site | Facebook

12112237_932626270152713_2796842662253566351_n

Por Priscila Visconti