Arquivo da categoria: dia do livro

[Cantinho Literário] Dia Nacional do Livro

O dia 29 de outubro foi escolhido como Dia Nacional do Livro em homenagem à fundação da Biblioteca Nacional, que ocorreu em 1810. Só a partir de 1808, quando D. João VI fundou a Imprensa Régia, o movimento editorial começou no Brasil. O primeiro livro publicado aqui foi “Marília de Dirceu”, de Tomás Antônio Gonzaga, mas nessa época, a imprensa sofria a censura do Imperador. Só na década de 1930 houve um crescimento editorial, após a fundação da Companhia Editora Nacional pelo escritor Monteiro Lobato, em outubro de 1925.

O livro é o objeto mais importante na transformação de um indivíduo, pois ao ler um livro, nos evoluímos, desenvolvemos a nossa capacidade crítica e criativa e também construímos novos vocabulários em nossas vidas.
Pois se tivermos o hábito da leitura, desde criança, a nossa visão sobre o mundo, se abre, nos emoções se aflora e nossas curiosidades pelas coisas se aguça a cada dia, por cada história lida.
Mas não importa se é história do passado, do presente ou da fantasia, o importante é ler que quisermos, quando quisermos, onde queremos e claro, ler no nosso ritmo, pois cada pessoa tem um ritmo na leitura, algumas leem mais rápido, outras demoram um pouco mais, mas o que importa é ler, pois só quem lê é mais criativo e inteligente.
clique aqui para ampliar a foto

E por isso que o Ministério da Cultura, está promovendo desde o mês de Agosto, a campanha “Leia Mais”, que tem como objetivo fomentar e valorizar os hábitos de leitura, além de incentivar o uso das bibliotecas públicas em todo o país, com ênfase em chamar a atenção para a leitura como uma atividade prazerosa e também como um caminho para o crescimento pessoal dos leitores.

 Assista abaixo o vídeo promocional da Campanha “Leia Mais”:

É isso ai pessoal…Boa semana a todos e até segunda-feira que vem com mais literatura aqui n’O BarquinhoPriscila Visconti

Cantinho Literário


Embora poucas pessoas sabem, mas dia 29 de Outubro é comemorado o dia nacional do livro, essa data foi escolhida, porque a Biblioteca Nacional fundada neste mesmo dia, que no memso ano o rei D. João VI fundou a Imprensa Régia, o movimento editorial começou no Brasil.

O primeiro livro publicado aqui foi “Marília de Dirceu”, de Tomás Antônio Gonzaga, mas nessa época, a imprensa sofria a censura do Imperador. Só na década de 1930 houve um crescimento editorial, após a fundação da Companhia Editora Nacional pelo escritor Monteiro Lobato, em outubro de 1925.

Vamos aproveitar esse dia tão especial para nós amantes da literatura e pegar muitos livros na biblioteca e comemorar apreciando com seus livros nas mãos e lendo muito, pois a leitura é a fonte de vida de nossos intelectos, pois quem o verdadeiro leitor não é aquele que lê diversos livros em um ano e não compreende nada, mas sim o leitor de verdade é aquele que poucos livros no ano, mas consegue entrar na história e viver sentir ela até a fim do livro.

Pois amar a literatura é saber dar valor não só a um livro, mas sim a todos que nos rodeiam, até mesmo os livros didáticos e ténicos.

Por isso.. Feliz dia nacional do livro para todos!
Por: @pii_littrell (atrasado, porém postado..)