[Total Flex] Hospedaria dos Imigrantes

Com o intuito de preservar a memória dos imigrantes que chegaram ao Brasil em meados do século XIX e XX, o Museu da Imigração, localizado atualmente na Mooca, não só recebeu 2,5 milhões de pessoas das mais diversas nacionalidades como também preservou estas histórias através de depoimentos, fotos, documentos e jornais.

2

Fachada da Associação Brasileira de Preservação Ferroviária, com fotos da chegada dos imigrantes ao Brás, situada na Rua Visconde de Parnaíba. (Foto: Vanessa Santos)

4Vista frontal da antiga Hospedaria dos Imigrantes, atual Museu da Imigração. – o prédio que até 2010 era conhecido como Memorial da Imigração, fechou para reformas por não apresentar adequações em sua estrutura. Reabrindo assim, em meados de maio de 2014, como Museu da Imigração. (Foto: Vanessa Santos)

7Cadeira com design do século XX. (Foto: Vanessa Santos)

8

Luminária do século XX. (Foto: Vanessa Santos)

9

Estátua no pátio da antiga Hospedaria dos Imigrantes. (Foto: Vanessa Santos)

11

Varanda dos fundos da antiga Hospedaria dos Imigrantes. (Foto: Vanessa Santos)

12

Placa de indicação da antiga estação ferroviária e estúdio fotográfico. (Foto: Vanessa Santos)

13

Parede com retratos de imigrantes chegando ao Brás, na sala de acesso da antiga ferroviária da Hospedaria dos Imigrantes. Onde contém a seguinte inscrição: “As fotografias que apresentamos neste espaço foram tiradas da plataforma, estação ferroviária e também do setor de bagagem, em diferentes momentos. Nelas, imigrantes foram flagrados desembarcando, sendo recebidos por funcionários da Hospedaria, passando pela vistoria de malas, baús, e embarcando novamente em seus destinos. As imagens fazem parte do acervo iconográfico do Museu da Imigração e do Arquivo Público do Estado de São Paulo e estão disponíveis para download gratuito no site do museu”. (Foto: Vanessa Santos)

14Anúncio da loja Retratos de Época. (Foto: Vanessa Santos)

15

Fachada da recepção do acervo da loja Retratos de Época que caracteriza clientes e ambienta cenários com base no início do século XX, para produzir fotografias à “moda antiga”. (Foto: Vanessa Santos)

16

Vestido do inicio do século XX, disponível no acervo da loja Retratos de Época. (Foto: Vanessa Santos)

17

Roupas para caracterização no acervo da loja Retratos de Época. (Foto: Vanessa Santos)

18

Chapéus femininos do acervo da loja Retratos de Época. (Foto: Vanessa Santos)

19

Porta Joia do acervo da loja Retratos de Época. (Foto: Vanessa Santos)

20

Máquina de escrever do acervo da loja Retratos de Época. (Foto: Vanessa Santos)

22

Relógio de parede da loja Retratos de Época. (Foto: Vanessa Santos)

24

Porta-retratos com fotos de clientes caracterizados com as roupas do acervo da loja Retratos de Épocas. (Foto: Vanessa Santos)

27

Vista lateral do trem da antiga estação ferroviária da Hospedaria dos Imigrantes. (Foto: Vanessa Santos)

28

Painel de comandos do trem. (Foto: Vanessa Santos)

29

Condutor de trem disponibilizado pelo Museu da Imigração para visitantes. (Foto: Vanessa Santos)

30

Passagem para vagão do maquinista. (Foto: Vanessa Santos)

31

Corredor de acesso para entrada dos fundos da antiga Hospedaria dos Imigrantes. (Foto: Vanessa Santos)

32

Luminárias da varanda da antiga Hospedaria das Imigrantes. (Foto: Vanessa Santos)

33

Corredor do andar superior da Hospedaria, com parede personalizada com os nomes dos imigrantes. (Foto: Vanessa Santos)

34

Exposição Migrar: Reprodução dos dormitórios da antiga Hospedaria dos Imigrantes. (Foto: Vanessa Santos)

 

35

Exposição Migrar: Gavetas contendo documentos dos imigrantes. (Foto: Vanessa Santos)

36

Exposição Migrar: Reprodução do antigo refeitório da Hospedaria dos Imigrantes, com prateleiras contendo objetos datados em meados do século XX. (Foto: Vanessa Santos)

38

Exposição Migrar: Reprodução da sala de aula para criança em visita monitorada.

39

Exposição Migrar: Reprodução frontal da sala de aula para criança em visita monitorada. (Foto: Vanessa Santos)

40Exposição Migrar: Lousa da sala de aula para criança em visita monitorada. (Foto: Vanessa Santos)

45Reprodução em maquete da entrada para a estação ferroviária. (Foto: Vanessa Santos)

SERVIÇOS
Imigração do Estado de São Paulo
Horário de funcionamento: terça à sábado, das 9h às 17h; domingo, das 10h às 17h.
End.: Rua Visconde de Parnaíba, 1316 – Mooca/ São Paulo.
Preço: de R$ 3 (meia-entrada) a R$ 6 (inteira).
Tel.: (11) 3311-7700 |  (11) 2692-1866 | (11) 2692-9218.
                                                                     Por: Vanessa Santos

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s