[TOTAL FLEX] A 14ª edição da FLIP traz a poesia marginal como ápice da festa

13557892_10209601306252517_1801585781331089277_n

Começou na última quarta-feira, 29 de junho, a 14º edição da Festa Literária Internacional de Paraty (FLIP), uma das principais festas literárias do país, que foi criada com a finalidade de promover a literatura, o que fortaleceu às transformações e melhorias de infraestrutura e educação, além de levar muitos turistas à cidade e movimentar a economia da cidade. Segundo os organizadores da festa, que termina dia 3 de julho, a expectativa é que 20 mil pessoas passem pelo local.

Entre as atrações estão 23 mesas literárias, com 39 autores da literatura contemporânea debatendo sobre humor, ciência, arquitetura, sexo, psicanálise, jornalismo, arquitetura, entre outros.

9569870459-77
Ana Cristina César, homenageada na 14º edição da FLIP. Foto: Divulgação

A cada edição um representante das letras brasileiras é homenageado na FLIP e este ano a homenageada será a poetisa carioca Ana Cristina César, que morreu em 1983, aos 31 anos. Ana C., como era conhecida, foi destaque nos anos 70 com a sua Poesia Marginal, que foi o grito após a repreensão nos anos da Ditadura. As obras da poetisa e sua importância na literatura contemporânea serão lembradas nas mesas literárias.

13509108_10209601310612626_6634788647824480283_n
FLIP 2015. Foto: Divulgação

Os cinco dias da festa terão a presença de escritores como Armando Freitas Filho que também fez parte do movimento da Poesia Marginal, Caco Barcelos, criador do programa Profissão Repórter e autor do livro de mesmo nome, Tati Bernardi, colunista da Folha de S. Paulo e roteirista do filme Meu passado me condena, além de diversos escritores estrangeiros, como o britânico Misha Glenny, que foi correspondente do jornal The Guardian. Na FLIP ele lança o livro O dono do morro, biografia do traficante Nem, chefe do tráfico de drogas na favela da Rocinha, no Rio, e preso em 2011.

A FLIP é realizada pela Fundação Casa Azul e por meio de leis de incentivo à cultura do Governo do Rio de Janeiro e Secretaria de Estado de Cultura do Rio de Janeiro, Ministério da Cultura do Governo Federal e é patrocinada pelo Itaú, BNDES, Petrobrás, Furnas, entre outros.

Serviço

Festa Literária Internacional de Paraty 2016
Dias: 29 de junho a 3 de julho de 2016
Horários: A partir das 10h
Endereço:  Av Roberto Silveira, 11, Paraty/ RJ.
Entrada: R$ 50, a programação principal – (mas há diversas atrações gratuitas no decorrer do evento).
Para mais info: flip.org.br

Por: Silvia Araújo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s