O Jovem Sherlock e os Aventureiros – O novo livro de A.Z. Cordenonsi

8fd3b1f6_abfc_4601_bb0c_645f23671677

Nesta semana vamos entrar no mundo do detetive mais famoso do Reino Unido e embarcar em surpreendente e divertida aventura do Sherlock Holmes quando era jovem, acompanhar a origem do rapaz que se tornaria o maior detetive de todos os tempos.

22221640_1488812521194567_2093531317515916117_nO lançamento da AVEC Editora, “Sherlock e os Aventureiros: O Mistério dos Planos Roubados”, do escritor gaúcho A. Z. Cordenonsi (Andre Zanki Cordenonsi), uma história com um tom juvenil, ágil e envolvente, que privilegia não o desenvolvimento dos personagens, mas a construção da narrativa, embora o mistério apareça de forma corrente ao longo das páginas, a ação prevalece na maior parte do enredo, imergindo com competência o leitor, desde as primeiras páginas da obra.

cb54cb37_a414_47e3_8f7a_d420299393ae

Andre Cordenonsi é um autor gaúcho, nascido em Santa Maria/RS, onde mora com sua mulher e seus dois filhos, ele é professor universitário formado em Computação, mas escolher o ofício de escritor como vocação. André escreve o lhe passa por sua cabeça e não deixa dormir à noite, quando as ideias se derramam no teclado como trem descarrilado. Apaixonado por tecnologia antiga, divide seu tempo entre ser pai, marido, professor e escritor. Ele é um romancista membro do Conselho Steampunk – Loja Rio Grande do Sul e contista, com mais de uma dúzia de textos publicados.

A inspiração para essa obra foi aventura foi O Enigma da Pirâmide, filme de 1985 produzido por Steven Spielberg. Além disso, há o fato de que as histórias do próprio Conan Doyle não exploraram essa época da vida de Holmes.

Arthur Conan Doyle foi o criador de Sherlock Holmes, é certamente o personagem mais conhecido quando tratamos de histórias de detetive. Nas páginas do autor desde 1887, o personagem angariou notoriedade ao desvendar crimes e outros mistérios lançando mão da ciência e da dedução, fugindo assim de meios fáceis para resolução dos problemas. Eis um verdadeiro ícone britânico.21766803_1647456368621337_2013294918126202230_n

A. Z. Cordenonsi torna o trunfo steampunk, aplicando seus atributos para lidar com as questões retrofuturistas e inserir na trama personagens icônicos na história e aparatos tecnológicos não existentes para época.

A história é toda ambientada em Londres, desde sua miséria e odor e rinhas de galo, até suas dimensões geográficas. Com um intuito de apresentar uma nova leitura para personagens conhecidos, estabelecer uma equipe formada por jovens marginalizados pelos adultos. Nesse sentido, a missão de Cordenonsi foi concluída com sucesso.

“Sherlock e os Aventureiros: O Mistério dos Planos Roubados” se faz interessante tanto para os fãs do detetive quanto para aqueles que pouco consumiram da obra de Conan Doyle. Já podemos conjecturar sobre quais outros gênios adolescentes esperar nos próximos volumes da saga.

3e6e0255_486a_472f_a2f6_0dca96e8aae3

Sinopse
“Em um mundo dominado por adultos, grandes corporações e uma polícia ocupada demais para ouvir um bando de garotos, o jovem Sherlock Holmes precisa provar para si mesmo que pode fazer a diferença.

Com a ajuda da furtiva Irene Lupin e do inventivo Nikola Tesla, Sherlock precisa utilizar toda a sua astúcia para enfrentar a misteriosa Companhia do Grande Oriente e recuperar os planos roubados do jovem engenheiro. Entre capangas homicidas, rinhas clandestinas e becos escuros, os três aventureiros vão explorar o submundo de uma Londres oculta e perigosa.”

Mais informações acesse o site da AVEC para garantir seu exemplar de “Sherlock e os Aventureiros: O Mistério dos Planos Roubados”.

Por Priscila Visconti

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s