Arquivo da tag: mulheres nos quadrinhos

May Lista capta a arte de suas memórias e a transforma em algo dinâmico e expressivo

6f128d68ab81d48c9.jpg

A ilustradora e quadrinista carioca Mayara Lista, formada em Comunicação Visual Design, pela EBA/UFRJ, e pós-graduada em ilustração pela Kingston University, em Londres, sempre foi apaixonada pelas artes, área a qual ela vive quase 100% de sua vida, transmitindo um ar expressivo em seus desenhos que transitam por um grande escopo de estilos e técnicas de ilustrações e digitais.

Continuar lendo May Lista capta a arte de suas memórias e a transforma em algo dinâmico e expressivo

Princesa de Areia – Uma HQ sentimental inspirada no realismo da aceitação das mulheres da própria auto estima

1500x500

A professora e ilustradora paulistana Verônica Berta, lançou em setembro deste ano, o quadrinho online Princesa de Areia, na qual ela disponível toda semana uma página da HQ em suas redes sociais e também pelo Whatsapp e agora a quadrinista está preparando para lançar sua versão impressa nos próximos eventos que acontecerão na cidade na cidade de São Paulo, que serão a Butantã Gibicon, que acontece nos dias 25 a 27 de novembro e no maior festival de cultura pop do mundo, a CCXP, que ocorre entre os dias 1º a 4 de dezembro. Continuar lendo Princesa de Areia – Uma HQ sentimental inspirada no realismo da aceitação das mulheres da própria auto estima

Sônia Luyten recebe homenagem por seus 50 anos de carreira na Gibiteca de Santos

unnamed

A pesquisadora e jornalista brasileira Sônia Luyten é especialista em histórias em quadrinhos e na cultura pop do Japão, com 50 anos de profissão ligado aos quadrinhos, ela é doutora em Comunicação Social pela Universidade de São Paulo, além de lecionar na própria USP e em outras instituições, Sônia já foi convidada da Universidade de Estudos Estrangeiros de Osaka e Tóquio (1984-1990), professora da Universidade Real de Utrecht (1993-1996) e professora convidada da Universidade de Poitiers (1998-1999). Em 2009 foi professora titular da Universidade Presidente Antônio Carlos (UNIPAC), de Juiz de Fora.

Continuar lendo Sônia Luyten recebe homenagem por seus 50 anos de carreira na Gibiteca de Santos

A premiada quadrinista holandesa Aimée de Jongh vêm pela primeira vez ao Brasil

1

A cartunista e ilustradora holandesa Aimée de Jongh, de 34 anos, é uma apaixonada pela arte gráfica desde muito pequena, uma artista renomada que já ganhou diversos prêmios como Prix Saint-Michel, o Atomium Comic Strip Prize e o International Manga Award. Começou a publicar quadrinhos em 2004, em um veículo pequeno, e dois anos depois ela já estava lançando seu primeiro livro.

Continuar lendo A premiada quadrinista holandesa Aimée de Jongh vêm pela primeira vez ao Brasil

Cristal Moura – A entusiasta dos contos de terror

HE-Cris

A professora de artes, quadrinista, tatuadora e toy maker, Cristal Moura, adora histórias de terror, a potiguar adora experimentações, tanto na arte quanto na culinária, mas sua vida mesmo é no mundo artístico, pois ela junto com seu marido o também quadrinista Leander Moura, são fundadores do selo Quadro 9, em que eles já realizaram algumas produções e agora, no Dia do Orgulho Nerd, vão lançar mais um trabalho.

Continuar lendo Cristal Moura – A entusiasta dos contos de terror

“Ira dos Ventos” – o novo quadrinho interativo da TalessaK

A autora e ilustradora TalessaK, acaba de lançar no Catarse, seu novo projeto “Ira dos Ventos“, assim como os outros trabalho da artista, esse também é interativo, associando à mídia e as tecnologias de comunicação, propondo uma transmídia entre o livro físico e a animação por meio do QRcodes inseridos na HQ.

Esses códigos são a ponte que liga as linguagens distintas através do leitor, assim tendo acesso gratuito a curtas animados, com trilha sonora original tocado pela curitibana, Karla Dallman, formada na escola de Música e Belas Artes do Paraná.

Continuar lendo “Ira dos Ventos” – o novo quadrinho interativo da TalessaK

“Só Mais Uma história de uma Banda” – O novo projeto da quadrinista Germana Viana

Sem-tituloc488a58cffea1535.jpg

A quadrinista Germana Viana é uma pernambucana, bastante conhecida no meio dos quadrinhos, não só pelo seus trabalhos na Marvel Comics, mas prinicipalmente por suas obras independentes, que prioriza a força feminina, misturado de muita doideira e animação, como seu trabalho mais rentável em equipe Gibi de Menininha – Historietas de Terror e Putaria (Vencedor do troféu Angelo Agostini na categoria de Melhor Lançamento de 2018 e do HQMix como Melhor Revista Mix de 2018), reunindo grandes artistas em com diversas histórias de humor, feminismo e putaria (mas de uma forma saudável). Continuar lendo “Só Mais Uma história de uma Banda” – O novo projeto da quadrinista Germana Viana

Shoujo Bomb: A coletânea que é um estouro

50299870-2140447102715151-8095238240212090880-n

Foi lançado no Anime Friends 2019, a primeira coletânea feita por quadrinistas brasileiras em uma arte totalmente oriental, o Shoujo. O livro Shoujo Bomb, tem toda característica e traços japonês, mas com a estética de arte de cada artista, saindo da figura daquelas garotas magras, uniformes de colegial e aquele romance meio sem graça. Continuar lendo Shoujo Bomb: A coletânea que é um estouro

Morteu pelo Bosque – Uma aventura aterrorizante pela escuridão do bosque

59428919-2091803104248522-6335173948119973888-o

A obra foi lançado na CCXP 2019 o novo livro da saga Morteu, da jovem autora e quadrinista Renata CB LZZ, que é autora de outras publicações como Andarilha, Morteu por Morgan Etrom, dos zines Pimpão e Voando e do coletivo da obra Gibi de Menininha 1 e 2. Continuar lendo Morteu pelo Bosque – Uma aventura aterrorizante pela escuridão do bosque

EMPODERAMENTO FEMININO NOS QUADRINHOS: AUTORAS EM ASCENSÃO

20140701192544385973a

Nesse especial da Butantã Gibicon exploraremos o cenário dos quadrinhos do ponto de vista feminino, mais precisamente falaremos sobre as autoras e o motivo pelo qual não devemos levar em consideração apenas personagens femininas ao falar sobre empoderamento. Ao trazer essa pauta especificamente para os quadrinhos encontramos um obstáculo disfarçado de solução, uma vez que personagens incríveis como Mulher Maravilha e Capitã Marvel são tratadas como símbolos feministas, o que não é algo errado, porém suas origens caem no esquecimento quando ignoramos o fato de que ambas foram criadas por homens. Continuar lendo EMPODERAMENTO FEMININO NOS QUADRINHOS: AUTORAS EM ASCENSÃO