[Cantinho Literário] Visão do Além – Adrenalina total

Screenshot_2017-09-10-23-00-51-1

Hoje vou falar de um livro que foi um desafio para mim, um suspense bem tenso. Já li alguns livros de suspense, na verdade amoooo um bom suspense, pois sou graduada em Law & Orde e Investigação Discovery, porém essa é a primeira vez que vou resenhar um, e esse é um grande desafio, pois de um certo modo é como se estivesse pisando em um novo território. Quando digo que foi um desafio, é porque sou do tipo de pessoa  que gosta de falar MUITO e ter liberdade pra falar, no caso de um livro de suspense, onde se tenta descobrir um(a) assassino(a), tenho que medir o que falar para não soltar um belo spoiler. O livro de hoje é o Visão do Além da autora Charlaine Harris.

Nunca tinha lido nada da autora, ganhei esse livro no mês passado e ele estava numa posição longe da minha lista de leitura – sim, tenho uma lista que sigo metodicamente – porém, do nada me deu uma louca vontade de passar ele na frente dos outros, – coisa que raramente faço – e posso dizer que não me arrependi. O livro conta a História de Harper Connelly – como principal – e Tolliver Lang.

Harper é uma mulher decidida, corajosa – profissionalmente –, ela tem um trabalho um pouco inusitado, ela trabalha encontrando corpos de pessoas mortas, Harper conta com a ajuda de Tolliver.
Tolliver é irmão postiço de Harper, embora não tente, é bem conquistador, e é um grande irmão, ele é protetor, e um pouco sarcástico.

Harper quando tinha 15 anos foi atingida por um raio, esse acidente lhe deu certo “Dom”, ela consegue localizar corpos de pessoas mortas, corpos que nunca ninguém acha ou se preocupa em procurar, e no momento que chega ao local onde o corpo foi desovado, ela consegue ver os últimos minutos de vida da pessoa. Harper conta com a ajuda de seu irmão, ele não tem a mesma habilidade que ela, porém a ajuda em outros sentidos.

Harper e Tolliver foram contratados por Sybil Teague para provar que seu filho Dell não assassinou sua namorada. O corpo de Dell foi encontrado e o de Tennie – sua namorada – estava desaparecido. A pequena cidade de Sarne achou que Dell a matou e depois sumiu com o corpo, e em um ato desesperador tirou sua própria vida, os irmãos foram contratados para ver os últimos momentos de Dell e tentar achar o corpo de Tennie .

Para Harper missão dada é missão cumprida, ela encontrou o corpo de Tennie, salvou a honra de Dell, pegou o dinheiro, e ficou feliz de sair de Sarne, pois lá por ser uma cidade pequena, as pessoas achavam que esse dom dela não era de Deus, e que era digamos assim uma bruxa . A felicidade de Harper durou pouco, pois ocorreu outro crime na cidade, com a ultima pessoa que ela havia falado, então Harper e Tolliver tiveram que ficar na cidade até que o mistério fosse solucionado .

A história é narrada por Harper, é uma leitura muito gostosa de ler, tem um suspense incrível que te faz esquecer a vida e querer ficar ali solucionando o mistério. Você começa a ler e dai já imagina que fulano é o assassino, depois imagina outro, e assim vai indo, tem horas que você já esta certa de quem é o assassino ai a autora vai lá e coloca mais personagens suspeitos na história. Quando descobri quem era o(a) assassino(a), vi que já tinha passado pela minha listinha de suspeitos e saído, fiquei realmente surpresa, principalmente pelo motivo.

Amei o livro, no início achei Harper meio chata, na verdade não é bem chata que quero dizer, era uma personagem fria, que não se compadecia das dores que as pessoas sentiam por perder algum ente querido, acredito que por já estar lidando com essa situação desde muito nova. Tolliver não ficava muito atrás, porém como a história era narrada por Harper, as partes dela eram mais visíveis, cheguei a pensar que finalizaria o livro sem gostar da personagem principal, dai com o desenrolar da história, foi aparecendo uma Harper tão humana quanto qualquer um de nós, ela na verdade tinha medo como todos nós, ela não entendia porque disso acontecer com ela, se aquele dom na verdade era uma maldição ou uma benção, ela tinha medos bobos, e essa dureza toda era uma maneira de se proteger das pessoas que sempre a julgaram por isso.

Harper no fundo era frágil, tinha desejos estranhos e sonhos comuns, como de ter uma casinha, de poder cozinhar, de fazer faxina – sim, faxina – porém isso não era possível, ela assim como seu irmão viviam em hotéis pois não paravam muito tempo em um lugar.

Um pouco mais para frente, comecei a amar Harper e Tolliver, pois foram muito machucados pela vida, desde criança, inclusive ainda novos foram obrigados a cuidar de duas irmãs, pois a mãe de Harper e pai de Tolliver eram alcoólatras e viciados, eles só tinham um ao outro desde sempre, quando seus pais se casaram, um foi o alicerce do outro, ainda tiveram a infelicidade de sua irmã ser sequestrada e nunca mais tiveram noticias dela. Emocionei-me com a história deles, amei a amizade, cumplicidade e irmandade que eles tinham.

Um dos pontos principais que a autora tentou abordar foi o ‘não julgar‘, ela soube mesclar temperamentos e gêneros , um suspense incrível com uma história comovente, e sem contar com a esperança que os irmãos tem de ainda encontrar Cameron – irmã sequestrada – viva ou morta .

Para o meu desespero, depois que li o livro descobri que ele faz parta de uma série, Harper Connelly Mysteries, e que ainda faltam 2 para ler, Surpresa do Além e Frio do Além.

Screenshot_2017-09-10-22-55-46-1.png

Estou ansiosa para finalizar a série, confesso que só gosto de ler algo que tenha continuidade quando já tenho todos os volumes em mãos, pois não goto de iniciar uma história sem findar outra, pelo que li o segundo termos em foco a irmã desaparecida de Harper e Tolliver, a Cameron. Já sei que vou ter fazer outra adaptação na minha lista de leitura.

Screenshot_2017-09-10-22-56-19-1

Sinopse

Harper Connelly e seu meio-irmão, Tolliver, são especialistas em realizar o serviço (encontrar cadáveres de pessoas desaparecidas), receber o pagamento e partir rapidamente, pois as pessoas que os contratam têm o estranho hábito de não querer ouvir o que eles têm a dizer. E à primeira vista, a experiência com os morado res da pequena cidade de Sarne, nas Montanhas Ozarks, parece não ser diferente. Uma adolescente está desaparecida, e Harper sente mediatamente que ela está morta. Mas os segredos que envolvem este assassinato e a própria cidade são profundos demais até mesmo para que a habilidade especial de Harper consiga desenterrá- los. Ao perceber a hostilidade crescer ao redor deles, ela e Tolliver querem apenas resolver o assunto e ir embora, mas então outra mulher é assassinada… E o criminoso ainda não terminou seu trabalho…

Autora: Charlaine Harris
Instagram : @realcharlaine
Facebook: /CharlaineHarris
Amazon
Site: charlaineharris.com
Editora: LeYa

Beijos literário,
@betaliteraria

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s