Lançamentos no Artists Alley 2018

DSC-8508
Vamos começar a nossa saga de lançamentos que terão na CCXP, e se preparem que só hoje haverão muitos, mas vamos ao que interessa, pois há muitos artistas, quadrinistas e roteiristas para divulgar e não podemos ficar de ‘lenga-lenga’ por aqui. Pois a CCXP é daqui menos de uma semana e com certeza nossa tripulação está ansiosa para saber o que terá de novo no Artists Alley neste ano.

Mas lembrando, que os lançamentos que não saírem aqui no site, iremos dar uma nota lá em nosso Instagram, por isso fiquem ligados em nossas redes sociais, pois terão novidades por lá também.

46710017-10161173955875374-5148274802615648256-nComeçando a saga de lançamentos parte 2, com o rei dos financiamentos coletivos, esse é o pica das galáxias dos projetos, o grande Felipe Cagno, que já conseguiu 17 campanhas de sucesso em plataformas de financiamento coletivo e todo o trabalho de mídias sociais, assessoria de imprensa e publicidade inerente à elas.

Felipe estará lançando Adagio, que conta a história de uma invenção que se popularizou pelas redes sociais e o mundo nunca mais foi o mesmo, enquanto o Facebook encurtou a distância entre as pessoas ao redor do planeta, o Adagio as transporta para um universo limitado apenas pela criatividade pelo mundo dos sonhos, basta sonhar para se conectar ao Adagio.

O ano é 2045 e Holywood deixou de ser a meca do entretenimento mundial, atores, atrizes, diretores, roteiristas, magos dos efeitos especiais vêm sendo substituídos pela evolução do YouTuber – os dreamers. Na história temos Kaya Muniz, uma jovem de 16 anos que sonha um dia se tornar uma dreamer famosa, mas ela está longe de ser popular, pois seus sonhos sempre têm poucos acessos e curtidas. Com sonhos comuns retratando situações cotidianas com
pessoas do seu mundinho como seus pais e sua melhor amiga, Pénelope Réver.

Mas cada personagem na trama traz um ponto de vista diferente em relação ao tema “Vale tudo pela fama”. Em uma era das “curtidas”, “compartilhadas”, mídias sociais e Big Brother, nunca este tema foi tão relevante à nossa sociedade e cultura.

Para entrar nesse mundo de Adagio, uma obra de ficção-científica de 96 páginas, com capa colorida, escrita pelo grande Felipe Gagno e com artes de diversos artistas como Sara Prado, Natália Marques, Bräo e Deyvison Manes, estará sendo lançada na CCXP 2018, é só passar pela mesa do Cagno e garantir seu exemplar autografado e
depois sair caçando alguns dos artistas que também estarão no evento este ano, a mesa do Felipe, na verdade são duas mesas, porque como ele é mega importante e tem cadeira cativa nos sites de financiamento coletivo, então ele ganhou duas mesas no Artists Alley, que são a D 14 e 15, é só passar por lá e garantir seu passaporte para mundo de Adagio.

46876603-10211198667636179-1273595396836294656-n

O próximo lançamento é do fofíssimo do Guilherme Miorando, que apesar de fofo suas obras são bem pesadas como esse lançamento que estará na CCXP 2018, o Fratura Exposta: REDUX, trata-se de uma HQ que usa do fantástico como uma ferramenta para explorar os relacionamentos, o amor e o sexo. As cores é do ilustrador Jader Corrêa, que deu vida ao texto malicioso e cheio de suspense de Miorando.

Fratura Exposta é uma história em quadrinhos que mistura família, amor, sexo e poderes fantásticos para falar de relacionamentos. É isso que queremos mostrar para você: pessoas fraturadas tentando viver a vida o mais normalmente possível, mesmo que seus poderes e suas falhas auxiliem ou atrapalhem suas existências.

Melissa é uma stripper, mas, nos seus “serviços”, dizem que ela faz uma coisa que nenhuma outra faz. A verdade é que Melissa é uma garota ferida e sua relação com o pai, que achou ter visto no último show, é complicada. Chegou a hora de os dois se entenderem e curarem a fratura que ficou exposta.

O Miorando estará com sua aventura de segredos esperando à todos em sua mesa no Artists Alley B14, ele também estará lançando também na CCXP, o Abandonados Pelos Deuses: Sigrid, criada pelo publicitário e roteirista Guilherme Smee e com artes e cores de Thiago Krening (B15) e Cristian Santos. Então vale muita a pena, passar pela mesa dessa fofura dos quadrinhos, nem se for para dar um ‘oizinho’ para ele.

Lembrando que a HQ Fratura Expostas tem censura 18 anos, ou seja, há muitas cenas impróprias para os menores de idade, todavia o Sigrid, a classificação é livre, principalmente para quem for fã da mitologia nórdica e temas medievais.

cheva

O próximo lançamento é inspirado em escritos de H.P. Lovecraft (Nas Montanhas da Loucura), Edgar Alan Poe (A Narrativa de Arthur Gordon Pym) e Júlio Verne (A Esfinge dos Gelos), uma história que retrata as aventuras dos maiores heróis de um mundo steampunk vitoriano, com uma narrativa repleta de ação e mistério, isso é a nova obra de André Zanki, com arte de Fred Rubim, editado por Artur Vecchi e diagramado pelo Vitor Coelho, Le Chevalier nas Montanhas da Loucura.

A história se passa na época em que a França comandava a Revolução Industrial, Le Chevalier e Persa, seu fiel escudeiro, precisam superar suas divergências com antigos inimigos para enfrentar a chantagem de um maligno adversário. As nações do mundo estendem seus estandartes de batalha quando navios de guerra são atacados e acusações de traição se tornam arautos de uma guerra que se avizinha.

 

Para quem curte histórias de steampunk no estilo H.P. Lovecraft, não pode deixar de passar na mesa do André, B16 e garantir seu exemplar de Le Chevalier nas Montanhas da Loucura e conhecer os maiores heróis da França enfrentam o terrível Justiceiro da Paz para salvar o mundo. Uma obra de 64 páginas, toda colorida e uma capa de Prolan brilho, uma papel cartão supremo.

46966492-1739241979536412-1993727894727163904-nUma obra bem humorada e ácida, com uma pegada psicodélica esse é novo lançamento de Gabriel Dantas, que estará no Artists Alley, na mesa E02, lançando sua HQ cheia de fantasia, ficção e uma época em que as coisas passaram dos limites e tudo começa a ficar de pernas para o ar, em que duas bestas enormes caçam pelas ruas, ossos estão servindo apenas para a produção de gelatinas sem sabor e os alienígenas estão plantando bananas azuis, tudo está estranho.

A humanidade, nem existe mais, pois já acabou faz tempo e o pouco que restou não se importa mais com o futuro, com duas garotas que só pensam em fumar, na esperança de que esse apocalipse tenha resultado no fim da escola. No mais, se as coisas piorarem, uma facada pode resolver o problema.

Todo esse caos acontece no novo livro do Gabriel Dantas, Não Pedi para estar aqui, um mundo apocalíptico fora do comum, em que não se conecta com nada e as poucas pessoas que restaram estão pouco se lixando para o mundo e querem mais é que o planeta se explora. Um livro de ficção com um pouco de humor, que com certeza deve ser o humor negro, pois sempre que tem esse tipo de história de apocalipse, o sarcasmo é a palavra chave para deslanchar e fluir melhor o assunto, que a maioria adora ler obras sarcásticas.

47075018-1961526473884109-1838125597574823936-nPara quem estava esperando o novo volume da saga São Paulo dos Mortos, que será lançando o quarto volume na CCXP, uma história criada pelo roteirista e editor Daniel Esteves, diversos ilustradores já participaram do projeto. Uma série que conta histórias de Zumbis ambientadas nas cinzentas ruas da cidade, explorando variados temas e propondo novas perspectivas ao gênero.

Neste quarto volume, a personagem Roller Dead e sua cadela zumbi Furiosa voltam a cena em duas histórias completas. Em Partida, história principal da revista, a personagem reencontra amigas e namorada, na antiga quadra onde elas treinavam. Noutra HQ apresentamos a ameaça dos Olafetes.

O tio Daniel e sua trupe, os aguarda com sua nova obra na mesa F42 no Artists Alley. Que provavelmente deve ter surpresas paulistanas pela história como nos outros volumes, em que teve a ilustre presença do ex-governador Geraldo Alckimin ilustrando e envergonhando uma das obras de São Paulo dos Mortos.

Essas são alguns dos autores que estarão lançando na CCXP 2018, não deixe de conferir e passar na mesas de cada um dele e se possível, garantir seu exemplar, pois tem diversas dicas de vários estilos, é só passar no Artists Alley procurar essa galera, que com certeza vocês irão se divertir quando passar naquela área mágica dos quadrinhos na Comic Con Experience.

Por Priscila Visconti

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s