“Corona Circus” – Um drama comovente e emocionante de uma trupe circense que é abalada e sensibilizada por um vírus mortal

53330594-2369469879753851-5183704159639044096-n

A pandemia que ainda se alastra pelo Brasil e no mundo, foi fatal e cruel para distintas áreas, mas sem dúvida os profissionais que mais foram afetados, são aqueles que trabalham com arte e cultura, pois como eles dependem de público para sobreviver e mostrar seu trabalho, trouxe desilusão, dizimando centenas de artistas espalhados ao redor do Planeta.

Porém, o que sucedeu de devastador, também trouxe uma nova vertente para ampliar e apresentar suas obras de outras maneiras, pois se há pessoas mais sensíveis e humanas do que a classe artística, não conheço, e desde então, produtores, diretores, atores, cantores, etc, tenta de todas as formas manter o rítmo de produção, buscando inovar na maneira de apresentação, seja com teatros e filmes on-line, performances musicais via streaming, dentre outras novas emendas que o mundo teve que se adaptar para não parar.

153897449-2149053938562459-2531206066263023238-o

Dentre essas ideias, um projeto que nasceu durante a pandemia, e deve ganhar as telas em breve. Inspirado em situações reais, como o drama de um circo na cidade de Junqueirópolis – Circo Dione -, que apesar as inseguranças e calamidades em se sustentar, ainda cedeu suas dependências para realização das filmagens.

O filme Corona Circus, é uma produção desenvolvida pela Animal Filmes com colaboração do produtor Cássio Alencar, e mostra as incertezas de um circo que é pego de surpresa pela pandemia do Covid-19, e os artistas precisam se virar como podem, para se sustentarem individualmente e também, não deixarem sua fonte de renda desaparecer, com investimentos nulos e banais vindo de um governo que pouco se importa com a classe.

153711048-2149053971895789-3218387114646695097-o

Mas, apesar das angústias abordadas na trama, o longa traz de forma sútil e bem humorada um assunto série e preocupante, que ainda afronta e muito o mundo e principalmente o Brasil, mas mostrando que as dificuldades podem ser mais leves, com os valores éticos, a amizade e o amor ao próximo são colocados em primeiro plano.

O longa conta com grandes nomes do audiovisual brasileiro, como o humorista Dedé Santana, além de Liza Vieira, Francisco Carvalho e Roberto Rowntree, e ainda conta com o jovem ator Pedro Pauleey. Com direção de Roberto Rowntree, que também roteirizou junto com Reinaldo Guedes e a fotografia ficou por conta de Paulo Furtado.

A produção ainda não tem data para chegar aos cinemas, mas em breve deve ser anunciado com novidades sobre o filme.

por Patrícia Visconti

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s