James Gunn mostra mais cor e atitude em Esquadrão Suicida 2

The-Suicide-Squad-Key-Art

O tão aguardado Esquadrão Suicida 2, dirigido por James Gunn, chegou aos cinemas dando um ponta pé nas bilheterias e nas boas críticas, que desde sua estreia vêm arrancando elogios do público. Diferente do primeiro de David Ayer, de 2016, em que teve críticas divididas, principalmente pela participação do Coringa, no esquadrão de Gunn foi bem diferente.

2

O filme foi realmente unânime, desde a escolha do elenco, colocação de cada personagem, cenografia, ambientação e toda parte visual do filme e o roteiro que cativou do inicio ao fim, prendendo atenção e também o afeto aos personagens, até mesmo aqueles que ficaram pouco tempo em cena. Uma produção divertida, colorida, uma trilha sonora sem igual e diversas referências da cultura pop, que faz o longa ainda mais dinâmico. Mas também se o filme não tivesse essas referências, não seria uma obra assinada pelo grande James Gunn.

1

A Caça-Ratos e o Nanaue (Tubarão Rei), foram os que mais se destacaram no lado emotivo e fraternal, mas o Sanguinário e Pacificador, foi um show de comédia, por atenção e quem seria o mais ignorante em exterminar o exército alheio, foi muito engraçado vê-los competindo.

29103726507092

A Harley Quinn, se mostrou mais empoderada e decidida, se destacando como ela mesma, diferente no anterior, em que ela estava imatura, boboquinha e submissa, neste podemos ver uma nova Arlequina, já estamos na ansiedade de um filme solo dela encontrando a Hera Venenosa, para ver o poder feminino nas telonas, pois o filme da Aves de Rapina, a Harley só foi intermédio para as meninas se conheceram, apesar ter sido lá, que palhacinha começou a empoderar, mas ela ainda estava bem inocente.

the-suicide-squad-harley-quinn-starro

Em suma, o Esquadrão Suicida 2, foi divertido, explosivo e um super-vilão, de outro planeta, o Starro teve muito mais presença que a Magia e o Coringa juntos, principalmente quando ele soltava estrelinhas do sovaco, foi algo sem igual. Mas o grande vilão da trama, não foi exatamente o Starro ou exército do Panamá, mas assim como no anterior, foi o governo dos Estados Unidos, que está trás de todas as falcatruas que acontece no mundo.

The-Suicide-Squad-Amanda-Waller-Support-Staff

Ainda não sabe se haverá o terceiro filme do Esquadrão Suicida, mas o sabemos que James Gunn está cotado para novas produções na Warner Bros., esperamos que ele esteja no comando novamente junto com esses vilões maluquinhos para salvar o mundo, e fazer mais um trabalho impecável.

Por Priscila Visconti

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s