O 63º Prêmio Jabuti brinda a 6ª arte, com obras expressivas e singulares aos tempos atuais

20211126122651-premio-jabuti

No último domingo (28), a literatura nacional brindou e condecorou os melhores autores e obras de 2020 e 2021, com um recorde de inscrições, aumentando aumento de de 31% o que equivale a mais de 3,4 mil publicações inscritas. A premiação aconteceu totalmente virtual com a apresentação do ator Dan Stulbach, a celebração do 63º Prêmio Jabuti.

A premiação este ano, cada livro tinha uma representação inerente a real situação cultural do país, colocando o dedo na ferida, dos árduos enfretamentos que a cultura vêm sofrendo nos últimos dois anos.

262436085-929991167648166-8249868561315686778-n

Em uma cerimônia atípica, mas permeada de muita sapiência e inovação, o Prêmio Jabuti revelou talentos que se conectam os célebres do gênero, como o livro do ano de 2021, de João Luiz Guimarães e Nelson Cruz, “Sagatrissuinorana“, que prestou uma homenagem a João Guimarães Rosa, recontando a fábula dos três porquinhos, mas tendo como pano de fundo o rompimento das barragens de Mariana e Brumadinho, em Minas Gerais. Em uma dura crítica as tragédias socioambientais no país, o livro mostra a ficção embasada na devastadora realidade e descaso humanitário perante a essa horrenda e devastadora catástrofe natural, que mobiliza e comove a sociedade.

A livro foi lançado em 2020, e tem uma linguagem simples, porém objetiva, para cativar o público infanto-juvenil e sensibilizar à todos com sua trama envolvente e realista.

3ee979-543a08ed4e2e40a0af222bb2301fd58b-mv2

O Prêmio Jabuti ainda contou com novas facetas na literatura, como a autora paraense, Monique Malchier, que foi condecorada na categoria contos, com sua obra “Flor de Gume“; além de Monique, outras grandes mulheres brilharam na cerimônia, representando e difundindo suas artes escritas, como Angelica Kalil e Amma, com o livro “Amigas que se encontraram na história“, na categoria infanto-juvenil. Já os melhores na poesia, ficou com a publicação “Batendo Pasto“, da autora Maria Lúcia Alvim, e melhor livro de Biografia, Documentário e Reportagem, ficou com “A República das Milícias: Dos esquadrões da morte à era Bolsonaro“, de Bruno Paes Manso, que trouxe com sua obra precisão e profundidade aos acontecimentos que vão até os tempos atuais. Além disso, a premiação ainda contou com outras publicações que marcaram a presença no criado mudo de muita gente, com a presença de muitas mulheres sendo indicadas em diversas categorias.

A premiação ainda condecorou o coletivo Slam Interescolar SP, pelo fomento à leitura nas comunidades e o incentivo à cultura, como forma de ampliar o conhecimento, levando livros para diferentes públicos, somando e estimulando um futuro próspero em plena igualdade em que a poesia é a língua principal do projeto.

261413053-625503981924804-8304349017831688037-n

E por falar em inovação, o homenageado deste ano, não poderia ser ninguém menos do que o romancista e jornalista, Ignácio de Loyola Brandão, com sua personalidade singular e característica, e suas obras que traduzem a realidade feroz, com sua visão intrínseca e precisa em expressar com exatidão suas histórias.

Em suma, o 63º edição do Prêmio Jabuti foi uma celebração de esclarecimentos e honrarias, em que o maior engrandecido ficou com a arte expressiva da literatura, partilhando ideias inovadoras e incentivadoras nos tempos sombrios e tenebrosos, quais vive à cultura atualmente, levando ao público obras relevantes e intensas para um amanhã melhor e vultoso.

262660792-1366096523821934-6287102228275497515-n

Para conferir a lista completa dos dos vencedores, acesse o site oficial da premiação!

por Patrícia Visconti

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s