O Spiderverse marca presença na CCXP Worlds 2021

1-poster-de-homem-aranha-sem-volta-para-casa-foto-reproducaomarvel-studios-widelg-7045997

O Aranhaverso estava em peso na CCXP World 2021, com um painel exclusivo e totalmente dedicado ao herói mais querido no mundo, o amigão da vizinhança, Spiderman, que trouxe os fãs muitas novidades e atrações surpreendentes, com a presença de atores, diretores e teaser inédito.

Durante o painel da Sony Pictures, no último sábado (4), muitos anúncios foram revelados em relação ao herói aracnídeo. Entre essas a sequência da animação “Homem-Aranha no Aranhaverse” (2018), que ganhou uma nova aventura de Miles Morales, em Spider-Man: Across the Spider-Verse (Part One), que está prevista para estrear no primeiro semestre de 2022, e conta com roteiro de Phil Lord e Chris Miller, adaptado do quadrinho de Brian Michael Bendis.

Aranhaverso-2-1050x709

Nesta nova produção do Cabeça de Teia, Miles está mais velho e junto com sua amiga Gwen, vão se balançar ao multiverso dos Aranhas e encontrar novas aventuras por Nova Iorque. Além disso, um outro Spiderman, aparece no teaser, o Homem-Aranha 2099. Este, é uma versão diatópica do herói, em uma dimensão futurista e cyberpunk. Criado em 1992, por Peter David e Rick Leonardi, sua história sucede em um ambiente distinto da linha editorial tradicional da Marvel. Na animação, será dublado pelo ator guatemalteco-americano, Oscar Isaac.

E ainda, contou com a nova produção cinematográfica, Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa, contando com a presença do atual Homem-Aranha, Tom Holland, e de três vilões da saga, Duende Verde, Doutor Octopus e Electro, interpretados respectivamente por Willem DaFoe, Alfred Molina e Jamie Foxx, que comentaram o retorno do trio a franquia do Teioso, e também falaram sobre algumas mudanças de seus personagens e para sua vidas também.

20211204-220109-0

Ninguém sabe o quanto esses trajes são desconfortáveis”, disse DaFoe, falando sobre o visual do Duende Verde. Lembrando de seu período em Homem-Aranha, de 2002, o ator disse que chegou a ficar oito horas de pé para que o departamento de figurino encaixasse as peças de seu uniforme. “Agora eles escaneiam digitalmente seu corpo e desenham por cima, confeccionam o uniforme e vestem em você. É um grande salto na tecnologia”.

alfredmolinahomemaranha3

Enquanto Doctor Octopus passou por mudanças neste novo filme do Aranha, já que seus braços mecânicos não são movidos por operadores de marionete, e sim inseridos de forma digital, como comentou Molina, durante o painel, dizendo que “são inseridos quase completamente digitalmente na pós”, permitindo que o ator se movimentasse mais livremente.

unnamed

Mas, sem duvida a maior evolução foi o traje do Electro, muito criticado em “O Espetacular Homem-Aranha: A Ameaça de Electro” (2014), o Foxx comparada seu visual às suas origens ao R&B, com roupas suas roupas chamativas, podendo focar nesta condicionalidade.

26150750934402

Mas, além dos trajes, outra evolução que os personagens tiveram na trama, foi a narrativa traçada por Jin Watts e os roteiristas Chris McKenna e Eric Sommers. “Quando fiquei sabendo, pensei ‘nossa, isso é muito doido’”, disse DaFoe. Felizmente, os receios do ator sumiram quando ele pôde ler o roteiro. E ainda completou alegando que “me pareceu muito divertida e uma boa solução”.

dlskfjslkfjsfsfsf-800x450
Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa chega aos cinemas brasileiros em 16 de dezembro de 2021, e é um dos filmes mais aguardados do ano.

por Patrícia Visconti

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s