Arquivo da tag: negritude

“AmarElo” traz a poesia e negritude da comunidade ao palco elitista da sociedade

amarelo-emicida-netflix-e1607441009328

Talvez eu não seja a pessoa mais adequada para falar sobre racismo, mas acredito que respeito e cumplicidade podem ser a peça chave para pensar no coletivo e viver não apenas por raças, mas todo por um, como um único povo que luta junto e prospera com perseverança e união, em um elo de amor e compaixão.

Continuar lendo “AmarElo” traz a poesia e negritude da comunidade ao palco elitista da sociedade

[Cabine da Pipoca] Cinquenta Tons de Preto – Você vai mudar de cor de tanto rir!

hqdefault

A Cabine da Pipoca dessa semana revolveu escurecer tudo, com a comédia Cinquenta Tons de Preto, dá pra ver?

Dirigido por Michael Tiddes, e tem um elenco de peso com Marlon Wayans, Jane Seymour, Kali Hawk, Mike Epps, Fred Willard, Andrew Bachelor, Kate Miner, Affion Crockett e Tina Grimm.

50-tons-de-preto-cartaz

Quantos filmes que foram sucesso de bilheteria nos cinemas de todo mundo viraram comédia?

Agora, imaginem o filme “Cinquenta Tons de Cinza” com o bem humorado Marlon Wayans, com nome pra lá de engraçado, Cinquenta Tons de Preto. É de rolar de rir né… Sim!

O filme “Cinquenta Tons de Preto” tem uma versão em comédia com um dos irmãos mais charmosos e mais engraçados das telonas do cinema.

A comédia nos traz de volta a história empolgante de Christian Grey e Anastásia Steele, que na comédia se tornam Christian Black e Hannah Steale .

Um relacionamento à base de cores, eles se comprometem em apenas namorarem com pessoas do mesma cor de pele, um romance que aconteceu através de uma entrevista conseguida pela melhor amiga de Hannah.

Como o “verdadeiro filme”, Christian é obcecado pelo sexo bruto e dolorido, porém, o que Black consegue arrancar de dor da sua parceira é apenas a dor de barriga… de tanto que ela rir.

91914a9da7d2657b96aaed4be2a03e8a_640_x_341

O longa faz referências da cultura Afro-Americana como: Jay-z, Kayne West, Cuba Gooding Jr. e Família Jackson.

Sua estreia foi em 3 de março de 2016, e apesar de ser muito engraçado, não foi o que a crítica esperava, quase um fracasso, apenas dez milhões de dólares foram vendidos nas bilheterias dos cinemas estadunidenses. Mas, que isso não seja um empecilho  para que você não assista.

maxresdefault

Confira a sinopse da comédia e ainda morra de rir com o trailer. Go!

Sinopse:

Christian Black (Marlon Wayans) é um empreendedor de sucesso com um passado obscuro e gostos bem peculiares. Quando conhece a Hannah Steale (Kali Hawk), ele fica obcecado por ela e tenta fazer com que ela se submeta a todos os seus desejos. Sexuais, é claro. O problema é que a única coisa que ele consegue dominar é a sua atenção e a única dor que ele consegue causar é na barriga, de tanto rir.

Por: Carla Cunha

[Caixa de Som] Gesin: Música, amor e união em uma única palavra

1969111_720551634664065_803076930078644820_n

Rap, família, periferia, essas são alguns adjetivos da dupla do Itaim Paulista, região leste de São Paulo, Gesin, que coincidentemente quer dizer família, em africano, algo que o casal Adilson e Ana Paula cultua e preza bastante, pois eles estão sempre unidos e apoiando um ao outro, juntos a sete anos, mas profissionalmente estão a três, sempre motivando e incentivando a filha deles de três anos a entrar no clima musical.

Influenciados pelo rap estadunidense da costa leste e com uma pegada e ginga brasileira, o casal segue independente mostrando seu som por quer que eles passam, propagando-o em festivais, festas de rua e shows realizados pela capital paulista. Um jornada nada fácil para quem está na batalha sozinho, mas a arte é isso, quem não corre atrás do que quer, tem de aguentar o que vier, seguindo as regras de quem mandar.69665_514261045293126_1974235009_n

Com letras que trazem a veracidade periférica, e principalmente apoiando o preconceito que os negros sofrem em pleno século 21, pois como eles mesmo citaram na página oficial deles: “Podemos ser bem sucedidos, honestos, e leais, mas se estivermos nos padrões que o populacho exige, AINDA somos meros neguinhos fazer ‘Pelô’ na Mente das PESSOAS. Então pra você que é negro, NÃO se envergonhe, se assuma, tenha orgulho de SUA negritude!”.

Esse é um pouco da Gesin, um dupla que preza a família, sua origem e sua essência, sem balelas em arquétipos estipulados pela sociedade, são eles por eles, fazendo e procriar seu trabalho.

Confira na íntegra o videoclipe da dupla “Meu Cabelo”:

Para conhecer mais sobre a dupla, confira abaixo os links para contato:

Site | Facebook | Twitter | Youtube

Por: Patrícia Visconti