[Total Flex] Prêmio Bravo! apresenta os melhores da cultura e o poder que ela têm diante a sociedade

FORA TEMER!

Sem dúvida essa a sentença mais dita pelos ganhadores ao receber o retorno de um das maiores premiações da cultura brasileira, o Prêmio Bravo!, que aconteceu na última quarta-feira (29), no Teatro Paulo Autran, no Sesc Pinheiros, em São Paulo.

O coreógrafo e bailarino Ivaldo Bertazzo entregou o troféu de Melhor Espetáculo de Dança. – Foto por: Alice Vergueiro

O prêmio reuniu grandes destaques da artes plásticas, cinema, dança, literatura, música, show, teatro, projetos culturais que tiveram destaque no ano de 2016, além de mostrar resistência e empoderamento diante a cultura nacional, com manifestações contra o governo federal e o congelamento da verba da cultura na capital paulista, além de apresentar quão nossa arte é rica e primordial para o desenvolvimento social da sociedade.

Mestres de Cerimônia da premiação Liniker e Karina Burh. Foto por: Patrícia Visconti

A cerimônia foi mediado pelos músicos Liniker e Karina Burh, mostrando a força da mulher na cultura brasileira, independendo da raça, gênero ou classe social, trazendo a força feminina, apesar do júri ainda ser composto por homens e brancos, mas muitas das ganhadoras mostraram seu poder e sua cara, diante ao machismo, preconceito e receios impostos pela sociedade.

Dentre o ápice da premiação, um deles destaca-se quando o ex-prefeito da cidade de São Paulo, Fernando Haddad, subiu ao palco para apresentar o vencedor de “Melhor Programação Cultural”, ofertado para a Casa do Povo; O público ovacionou o político, com gritos de “Haddad 2018!” e “Uhuuuuu…”, todos estavam surpresos e exitados com a pela presença de Haddad, que elogiou aos artistas e ainda completou dizendo que é da cultura que se saem soluções das crises que o país enfrenta, e todos presentes o aclamaram com fervor.

Fernando Haddad entregou o Prêmio Bravo! de Melhro Programação Cultural. Foto por: Alice Vergueiro

Em uma suma a cerimônia quebrou protocolos e requisitos, com artistas rasgando o verbo sobre a real situação do país, principalmente na área da cultura, com discursos de ordem e autoridade, em prol as mulheres, transsexuais e negros; Uma premiação repleta de aceitação de quem somos de verdade e para que viemos, sem meias palavras ou aspas entre as proposições.

Confira abaixo a lista dos vencedores da noite:

ARTISTA DO ANO
Luiz Fernando Carvalho

DISCO ERUDITO
Obra Integral de Ernesto Nazareth (12 vols.)
Maria Teresa Madeira

DISCO POP
Duas Cidades
BaianaSystem

TEATRO
A Comédia e A Tragédia Latino-Americana
Felipe Hirsch

DANÇA
Para Que o Céu não Caia
Lia Rodrigues Companhia de Danças

EXPOSIÇÃO
I Love You Baby
Leda Catunda

LIVRO
Não Tive Nenhum Prazer em Conhecê-los
Evandro Affonso Ferreira

LONGA METRAGEM
Aquarius
Kleber Mendonça Filho

CURTA METRAGEM
Estado Itinerante
Ana Carolina Soares Filho

SHOW
Duas Cidades
BaianaSystem

PERSONALIDADE DO ANO
Elza Soares

PROGRAMAÇÃO DE CULTURA
Casa do Povo

EVENTO DE CULTURA
MITsp — Mostra Internacional de Teatro de São Paulo

Por: Patrícia Visconti

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s