Um novo amigo portador de uma doença rara, chega ao Bairro do Limoeiro

52733495-2350609394971449-5111974035382599680-n
Por Priscila Visconti

A líder em medicamentos genéticos para doenças neuromusculares raras, a Sarepta e a Mauricio de Sousa Produções acaba de lançar um projeto para incluir e propagar a DMD – Distrofia Muscular de Duchenne -, levando um novo personagem a turma do bairro do Limoeiro, o Edu. Um garoto de de 9 anos, portador desta doença rara, que caracteriza pela deterioração muscular progressiva.

A DMD trata-se de uma doença que ocorre em um a cada cinco mil meninos em todo o mundo, e sua evolução é muito rápida, podendo levar até a morte do paciente na adolescência ou o início da fase adulta. E o sinal da doença é a perda de força muscular, ou seja, os portadores perdem progressivamente a capacidade de realizar atividades simples e rotineiras do dia-a-dia, como se correr, se levantar e até andar.

Então, junto a MSP, a Sarepta lançará a partir de março, o projeto editorial intitulado “Cada Passo Importa”, em prol para desmistificar e tirar todo o preconceito, além de estimular os pais a fazerem os exames prévios para iniciar o tratamento o quanto antes, assim as crianças poderão levar uma vida praticamente normal, como qualquer outra pessoa.

5c7588e2250000010580ac83
Foto por: Divulgação

A primeira revista será lançada no dia 24 de março, durante o Congresso Paulista de Pediatria, que acontece entre os dias 23 a 26 de março, no Centro de Convenções Frei Caneca, em São Paulo. Além disso, haverá um site, aonde será disponibilizadas histórias do novo personagem na Turma da Monica.

Precisamos chamar a atenção principalmente para a importância do diagnóstico precoce, que pode ser facilitado com a solicitação de um exame de sangue chamado CK. Assim, estas crianças poderão receber um tratamento adequado que deixará a evolução da doença mais lenta. De uma forma lúdica e por meio das histórias do Edu, temos como intuito fomentar o assunto, valorizar o respeito aos pacientes com DMD e estimular a boa convivência com os amigos na escola e no lazer“, afirma Fábio Ivankovich, diretor-geral da Sarepta.

Enquanto o quadrinista Mauricio de Sousa diz que “criar um personagem como este demonstra a preocupação da Turma da Monica em retratar causas de cunho social. É uma alegria e uma honra imensa para nós. Por meio de histórias cheias de aventura com os personagens da Turma, queremos aproximar o Edu do dia-a-dia das crianças que enfrentam a Distrofia Muscular de Duchenne diariamente. É um personagem especial que veio para divertir e inspirar“.

52698832-2350611724971216-5308072144649846784-n
Pais e portadores da DMD – da instituição Aliança Distrofia Brasil (ADB). Foto por Priscila Visconti

Esse não é primeiro personagem com problemas de saúde ou social incluído na Turma da Monica, já que a anos a Mauricio de Sousa Produções busca incentivar e incluir à todos dentro deste universo, eliminando o preconceito e aproximando mais a convivência natural diária que uma criança deve ter, sem desmerecer pela sua cor, pelo seu tipo físico ou porque, possuí alguma doença, seja física ou mental, dando oportunidades para que todos sejam felizes e integrados socialmente, promovendo a inclusão social e vivendo as diferenças.

Por Patrícia Visconti

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s