A franquia The Witcher se expandi para outros meios de comunicação

henry-cavil-the-witcher-tricurioso-667x400

A franquia de The Witcher é um grande sucesso em todo o mundo, original da Polônia compõe de livros, histórias em quadrinhos, filme, jogos de tabuleiro, jogos de cartas, videogames e recentemente a Netflix divulgou que fará uma série destinada da trama, que ambos os meios se difundiram a marca mundialmente. Mas originalmente a história surgiu em 1986, quando o Andrzej Sapkowski escreveu um conto chamado Wiedźmin (O Bruxo), para um concurso realizado pela revista Fantastyka.

content-picA história acabou ficando no terceiro lugar, mas obteve um grande sucesso. Sendo assim, Sapkowski continuou escrevendo novos contos sobre o bruxo Geralt de Rívia, personagem abordado em Wiedźmin. Hoje, os contos fazem parte da cultura popular de diversos países do Leste Europeu, assim como os romances lançados em seguida por Sapkowski, os quais formam o arco Saga o wiedźminie (Saga do Bruxo).

O sucesso dos contos foi tanto, que o romance gerou imensas adaptações do trabalho de Sapkowski, como uma bem-sucedida série de videogames The Witcher, da empresa CD Projekt, que popularizaram o termo “The Witcher” (tradução direta de “Wiedźmin” para o inglês) pelo mundo.

The Witcher é um jogo eletrônico de RPG de ação desenvolvido pela CD Projekt RED e publicado pela Atari. Baseado na série de livros Wiedźmin, do escritor polonês Andrzej Sapkowski, The Witcher se passa em um mundo de fantasia medieval e segue a história de Geralt de Rívia, um dos últimos bruxos restantes na Terra.

why-henry-cavill-doesnt-have-a-beard-in-netflixs-the-witcher-696x392

A história é de um caçador solitário, Geralt de Rívia, que luta para encontrar seu lugar em um mundo onde as pessoas muitas vezes se mostram perversas que as bestas, mas quando o destino o leva a uma poderosa feiticeira e a uma jovem princesa, com um perigoso segredo, então os três navegam juntos pelo crescente e volátil Continente.

O jogo é utilizado a engine Aurora, propriedade da BioWare, além de uma versão para consoles usando uma engine totalmente nova e um novo sistema de combate, intitulada The Witcher: Rise of the White Wolf, iria ser lançada no outono de 2009, mas foi cancelada por conta de problemas com o pagamento da desenvolvedora da nova versão, a Widescreen Games. A CD Projekt RED trabalhou em uma sequência do jogo em 2009, The Witcher 2: Assassins of Kings, lançado em 17 de maio de 2011 no PC e em 17 de abril de 2012 no Xbox 360.

the-witcher-henry-cavill

A Netflix está produzindo uma série de drama fantasia criada por Lauren Schmidt Hissrich para o streaming e baseado na série de livros de mesmo nome de Andrzej Sapkowski, mas ainda sem data de estreia na plataforma. O anúncio oficial deve acontecer no painel da Netflix, The Witcher, especial na San Diego Comic Con no dia 19 de julho.

 

Por Priscila Visconti

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s