“Ashin Of The North” – A origem inerente e envolvente com Kingdom

kingdom-ashin-of-the-north

Ashin Of The North finalmente estreou na Netflix para contar a história da rainha pirata que apareceu no final da segunda temporada de Kingdom, como grande responsável pelo vírus que transforma pessoas em zumbis. O episódio especial da série sul-coreana traz na forma de longa metragem e consegue ser o prelúdio perfeito para a terceira temporada que se aproxima, funcionando também de forma independente, dessa maneira o episódio consegue trazer o espectador para dentro da obra mesmo que nunca tenha visto a série antes.

O spin-off de Kingdom, foi dirigido por Kim Seong-hun e roteirizado por Kim Eun-Hee, conta com duração de 93 minutos. A história começa mostrando a planta sendo comida por um cervo que depois é caçado e morto por um tigre, para após começar a caçar humanos. Enquanto isso acontece, em paralelo a pequena Ashin vive no vilarejo como outra criança normal de sua idade. Os eventos que seguem a narrativa enquanto a menina ainda é criança são interessantes pelos conflitos entre povos da região, nada de incrível narrativamente falando, o que não deixa de ser interessante.

kingdom-netflix

A segunda parte da trama começa quando a pequena menina ver seu vilarejo em chamas depois de ser atacado pelo povo, Page Owi, uma tribo rival de Joseon. Como única sobrevivente do massacre ela atravessa o rio em busca de ajuda, mas ao chegar e relatar a história percebe que não haverá interferência por parte dos amigos de seu pai, sendo isso como pano de fundo, a narrativa eleva em potencial ao máximo o sofrimento da pequena, que trabalha para se manter e ainda sofre abusos, Ashin vive uma vida de humilhação.

Sempre inovando na forma de lançar suas produções a Netflix saiu na frente conseguindo algo incomum no mundo dos streaming, esse especial tornou se uma verdadeira potência ainda pouco explorada pelo canal de logo vermelho, Ashin Of The North funciona perfeitamente bem como prelúdio da próxima temporada, e abre margem para outras séries também pegar o engate e fazer episódios de transição com histórias focadas num único personagem.

Ashin, é apresentada no final da segunda temporada como a rainha pirata, deixando o público curioso quanto às motivações dela ao disseminar o vírus em Joseon, porém nada foi explicado sobre ela no final da temporada, mas aqui no especial, fica claro que a levou a fazer tudo isso, e não apenas isso, a mulher ainda não está satisfeita com sua vingança, ela deixa claro ao final do episódio que ainda quer muito mais.

kingdom-ashin

Quando acontece a transição da personagem a direção foca na força da mulher ao lidar com situações embaraçosas, a atriz (Jun Ji-Hyun) consegue entregar uma veracidade em cada situação apesar da frieza ao lidar com sua vingança bem empregada, ela também transmite todo sentimento que há dentro de si, e tudo explode quando ela destrói de dentro para fora os inimigos causadores de seu sofrimento. já execução da trama política é bem minuciosa, até tenta levar a trama em alguns momentos mas logo deixa a história.

A direção do especial foi extremamente cautelosa na escolhas das motivações da personagem, dando a entender que essa era a única forma de redenção para a garota. E o ponto de virada dela crescer simultaneamente dentro das revelações impostas pela história bem construída, parece algo simples, mas não é. À medida que a narrativa avança, as cenas frenéticas e minuciosamente dirigidas crescem exponencialmente enchendo os olhos do espectador.

22101028-kingdom-ashin-of-the-north-ashin-gianna-jun-ji-hyun-cover-1875x1171

Outra coisa cuidadosamente polida nesse especial é sua fotografia linda do início ao fim, as cenas além de bem dirigidas conta com lugares de paisagens deslumbrantes, vai desde das cenas dentro da floresta ao inverno rígido, ou até mesmo a noite onde a personagem executa sua vingança, a trilha é outro grande acerto dessa produção, crescendo na medida correta dando o volume necessário para cada momento.

Portanto, o universo de Kingdom, foi novamente certeiro ao apresentar a história de origem dessa personagem, ainda este ano é esperado a terceira temporada da série sul coreana de sucesso da Netflix.

por Daniel Guimarães

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s