Google Stadia – Uma breve análise e comparação com o cenário brasileiro em geral

googlestadia

O modelo streaming está se tornando uma realidade entre diversos sistemas e plataformas ao redor do mundo enquanto a produção de séries, filmes, músicas e diversas outras mídias está crescendo graças a essa função. Eventualmente, jogos também se beneficiam com isso, facilitando a divulgação e publicação de conteúdos em streams e outros meios.

A Google lançou em novembro a plataforma Google Stadia, na qual transmitirá jogos em 4K nativo uma biblioteca de jogos, e cada usuário terá uma assinatura mensal custando em torno de 10 dólares. O console acompanha um controle e custa 130 dólares.

O sistema inovador é incrível e caso se popularize, provavelmente criaria um novo padrão para a venda e distribuição de jogos. No passado, utilizamos cartuchos, disquetes, CDs, DVDs, Blue Ray, mídia digital e agora estamos na era streaming.

O console rodará seus jogos em uma base de dados, fazendo com que eles sempre funcionem com excelentes gráficos, um custo muito inferior aos consoles tradicionais e ao PC, mas me pergunto o quão viável isso seria no Brasil. Embora na teoria seja algo benéfico, nosso país sofre com diversos problemas relacionados a velocidade da internet brasileira, além do fato de 30% do país não possuir acesso à internet e uma grande parcela não possuir condições de adquirir um aparelho televisivo que possui suporte para o console. O uso do Stadia também depende de uma conexão estável e rápida o bastante para o download e upload de informações, para que os comandos saiam perfeitos e que não ocorra nenhum tipo de interferência.

20190320074855-1200-675-google-stadia

Um problema frequente é a viabilidade do Stadia, considerando que o Google Stadia não é de fato um console e sim um serviço, trata-se de um produto gerado para utilização e, portanto, é difícil de julgar sua aceitação no Brasil, país no qual não possui ao menos uma data de lançamento, a estimativa é que saia em 2020 ou depois. Algumas
situações que já ocorrem no exterior podem prejudicar ainda mais, pois uma vez que muitos aparelhos estejam conectados na mesma rede wifi, a transmissão e qualidade do streaming reduzirá, requisitando uma conexão direta entre o roteador e o aparelho. Portanto, sua conexão entre os usuários e suas experiências poderão se diferentes entre cada jogador, algo que está totalmente fora de controle do Google e no Brasil, poderá ser pior.

stadia-google

Acredita-se que o Google Stadia não seja necessariamente um substituto para as próximas gerações, como o Playstation 5 ou o Xbox X (também conhecido como Scarlett), pois ao analisarmos suas capacidades, nota-se que a função do Stadia no mercado não é substituir e sim promover uma nova forma de jogar videogames, usando televisões e até mesmo celulares, algo que a própria Valve já realizou com o Steam Link. Caso levarmos esse exemplo em consideração, deve-se lembrar o quanto o Steam Link teve uma recepção fraca em nosso país, sendo extremamente limitado e possuindo uma base de usuários muito pequena. Atualmente, o serviço está melhorando, e é possível jogar pelo celular e televisão de uma forma mais dinâmica, mas ainda assim, é um serviço geralmente ignorado por grande parcela dos usuários da Steam em nosso país.

stadia

Esperamos que o aparelho seja lançado no Brasil visando solucionar alguns dos problemas já reportados e que seja divulgado e comercializado a um preço acessível para nosso mercado, pois isso poderá impulsionar os jogadores, especialmente aqueles que possuem uma baixa renda e que não possuem dinheiro para investir de forma intensa nos jogos de mídia física e consoles. Conforme a biblioteca de jogos for crescendo, isso poderá se tornar um grande atrativo para nosso mercado.

colunas-stadia-060619-reuters

Enquanto o console continua no exterior, nos resta aguardar pelo melhor, já que o produto é inovador e ousado, que chega com força total para mudar nossa forma de consumir e nos entreter. Nosso país poderá usufruir do aparelho de diversas formas, e caso seja lançado usando uma boa comunicação com o público e tendo uma boa divulgação, é possível que os serviços sejam utilizados e bem aceitos em nossa comunidade.

Por Leonardo Borges

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s